Brasil Exterior Oncologia

OMS: câncer de mama supera o de pulmão e se torna o mais comum

Alerta é da Organização Mundial da Saúde
Obesidade feminina é um fator de risco comum no câncer de mama. Crédito da foto: Divulgação/Sociedade Brasileira de Mastologia

O câncer de mama tomou o lugar do câncer de pulmão e se tornou a forma mais comum da doença, disse a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta terça-feira (2).

“Pela primeira vez, o câncer de mama constitui agora o câncer de ocorrência mais comum em todo o globo”, disse Andre Ilbawi, especialista em câncer da OMS, em entrevista coletiva na sede da Organização das Nações Unidas (ONU) antes do Dia Mundial do Câncer, na quinta-feira (4).

O câncer de pulmão foi o tipo mais comum nas últimas duas décadas, mas agora está em segundo lugar, à frente do câncer colorretal, o terceiro mais disseminado, explicou Ilbawi.

Ele observou que a obesidade feminina é um fator de risco comum no câncer de mama e que também está elevando os números gerais do câncer.

À medida que a população global cresce e a expectativa de vida aumenta, o câncer deve se tornar mais comum, avançando dos 19,3 milhões de casos novos por ano em 2020 para cerca de 30 milhões em 2040, segundo Ilbawi.

Leia mais  PF investiga morte de animais no Ibama

A pandemia de coronavírus está prejudicando o tratamento de câncer em cerca de metade dos países analisados, disse Ilbawi, ressaltando os atrasos de diagnósticos, o estresse extremo dos profissionais de saúde e o impacto nas pesquisas. (Emma Thomasson e Stephanie Nebehay/Agência Brasil)

Comentários