Brasil Covid-19

Ministério pede que 1ª dose seja priorizada

Ministério pede que 1ª dose seja priorizada
Crédito da foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil

Criticado pela demora no ritmo de vacinação contra a Covid-19 no País, o governo emitiu nova diretriz para priorizar a aplicação das primeiras doses à população, sem guardar a segunda dose necessária para complementar a imunização. Até agora, a orientação era reservar metade das vacinas para aplicação das segundas doses dentro do período recomendado.

A nova orientação foi feita em um informe técnico do Ministério da Saúde no qual a pasta anunciou a distribuição de mais 3,99 milhões de vacinas da Sinovac/Butantan e mais 1 milhão da Astrazeneca/Fiocruz entre os 26 Estados e o Distrito Federal. Todas essas vacinas serão aplicadas como primeiras doses.

Na nova orientação, o ministério ressalva que serão feitas reuniões semanais com os conselhos de saúde e representantes de secretarias estaduais. (Estadão Conteúdo)

Comentários