Brasil

Kassab é oficialmente afastado da Casa Civil do governo Doria

Ele se licenciou do cargo para se defender de acusações de corrupção no caso JBS
Gilberto Kassab se afastou para se defender de acusações de corrupção no caso JBS. Crédito da foto: Fátima Meira/ Futura Press/ Estadão Conteúdo

O Diário Oficial do Estado de São Paulo traz nesta sexta-feira, 4, a confirmação do afastamento de Gilberto Kassab da Casa Civil do governo de João Doria (PSDB). No decreto, retroativo à quinta, 3, o governador aponta que o motivo do afastamento “sem qualquer ônus para o Estado” são “interesses pessoais”.

Kassab está afastado, agora oficialmente, para se defender de acusações de corrupção no caso JBS. Ele não participou da primeira reunião do secretariado na quarta-feira. Em seu lugar estava o secretário-adjunto Antonio Carlos Malufe.

Leia mais  PF acha R$ 300 mil em dinheiro no apartamento de Kassab

 

A Procuradoria-Geral da República afirmou que ele teria recebido R$ 58 milhões do grupo J&F entre os anos de 2010 e 2016. Em 19 de dezembro, ele foi alvo de busca e apreensão. Em entrevista exclusiva ao jornal O Estado de S. Paulo, Kassab disse que não teme ser preso e se defende das acusações. (Matheus Lara – Estadão Conteúdo) 

Comentários