Brasil

Doria anuncia três novos integrantes do governo de São Paulo

Demais cargos serão anunciados na próxima segunda-feira (3)
João Doria com novos integrantes do governo de São Paulo. Crédito da foto: Reprodução / Facebook

O governador eleito por São Paulo, João Doria (PSDB) anunciou nesta terça-feira (27), durante coletiva de imprensa, três novos nomes que farão parte da gestão estadual a partir de 2019. A advogada Lia Porto será a nova Procuradora Geral do Estado, enquanto o economista Filipe Sabará assumirá o cargo de presidente executivo do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo. Já a primeira-dama Bia Doria será a nova presidente do conselho do Fundo Social. Também esteve presente na coletiva o futuro vice-governador e secretário de Governo, Rodrigo Garcia.

A novidade do anúncio é a abertura, pela primeira vez, do cargo de presidente executivo no Fundo Social. Doria assumiu a “responsabilidade gerencial e executiva” a um especialista com a intenção de otimizar a distribuição de recursos para ações sociais no Estado. “Não estabelece nenhuma crítica ao passado e nem a ninguém, se estabelece dentro de uma visão moderna de gestão. Vamos fazer diferente e melhor”, afirmou o futuro governador.

O novo cargo também foi motivo de comemoração de Bia Doria. “Todos os trabalhos com moradores de rua, pediam às primeiras damas. Fiquei muito feliz quando pedi a ajuda de algum profissional para melhorar isso e o João aceitou. Vocês verão as melhoras”, declarou.

O futuro governador novamente não especificou quantas secretarias o Estado de São Paulo terá em sua gestão

Filipe Sabará, 35 anos, foi Secretário Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social na gestão de Doria e do atual prefeito da capital, Bruno Covas. É idealizador do projeto Horta Social Urbana, de produção de alimentos orgânicos na capital empregando moradores de rua, e conselheiro da UNCTAD, braço da Organização das Nações Unidas para Comércio, Investimento e Desenvolvimento de Nações em Desenvolvimento.

Bia Doria, nascida em Santa Catarina, coordenou campanhas de agasalho em conjunto com a ex-primeira dama do Estado, Lila Covas, e passou uma temporada em Salt Lake City, nos Estados Unidos, junto com João Doria, no maior centro mundial de ajuda humanitária coordenado pela igreja Mormon.

Leia mais  Moro anuncia criação da Secretaria de Operações Policiais Integradas

 

Lia Porto, 51 anos, é advogada com especialização em direito tributário. Atua desde 1993 na área tributária do Estado e foi subprocuradora geral da área tributária do Estado durante o governo de Geraldo Alckmin. “Doutora Lia foi responsável pela redução significativa da ligitiosidade dos processos do Estado. É uma conquista São Paulo ter alguém com essa qualificação”, afirmou Doria durante o anúncio.

O futuro governador novamente não especificou quantas secretarias o Estado de São Paulo terá em sua gestão, que atualmente conta com 25 pastas. Demais cargos serão anunciados na próxima segunda-feira (3).

Leia mais  Presidente do PTB, ex-ministro e 18 servidores são réus na Operação Espúria

 

Rodrigo Garcia mencionou, após a coletiva de imprensa, o andamento da transição do governo, iniciada oficialmente na semana passada. “Todos os secretários já indicados estão com suas equipes fazendo levantamento de informações e dados do atual governo, e estamos preparando um plano dos principais temas que daremos atenção. A princípio, temos uma prioridade clara nas áreas da saúde, segurança e educação. Devemos nas próximas semanas listar quais serão as primeiras medidas”, afirmou.

Rodrigo Garcia é o futuro vice-governador e secretário de Governo. Crédito da foto: Fábio Rogério

Questionado sobre a aprovação do orçamento na Assembleia Legislativa, Garcia relatou que ainda não avaliou “eventuais correções” para 2019. “Como a Assembleia sempre dá a liberdade de remanejamento, em regra isso será suficiente para que a gente adapte o orçamento às ações do novo governador”. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) está em andamento na Casa.

Confira os nomes já foram anunciados para compor a equipe de Doria:

Secretaria da Casa Civil – Gilberto Kassab

Secretaria da Educação – Rossieli Soares

Secretaria da Cultura – Sergio Sá Leitão

Secretária da Saúde – José Henrique Guermann

Secretaria da Agricultura – Gustavi Diniz Junqueira

Secretaria de Justiça – Paulo Dimas Mascaretti

Secretaria da Pessoa com Deficiência – Celia Leão

Secretaria de Segurança Pública – General João Camilo Pires de Campos

Secretaria de Energia, Saneamento, Recursos Hídricos e Meio Ambiente – Marcos Penido

Secretaria de Governo – Vice Governador Rodrigo Garcia

Procuradoria Geral do Estado – Lia Porto

Secretarias especiais:

Secretaria de Comunicação – Cléber Mata

Secretaria de Defesa Civil – Coronel Walter Nyakas Júnior

Secretaria de Relações Internacionais – Julio Serson

Chefe de Gabinete: Wilson Pedroso

Comentários