Rota do Equilíbrio

Como saber quando os rins estão ficando doentes?

Uma das maneiras mais comuns, segundo o médico nefrologista (Especialista em Rins) Flávio Barros é o exame de sangue que mede a creatinina.

Nas palavras do médico:

O exame mais básico para avaliarmos a função renal é a creatinina.

O que é a creatinina? É um produto do nosso metabolismo muscular, que é eliminado pela urina.

Assim, quando essa eliminação não está sendo feita adequadamente pelos rins, dosamos isso pelo sangue, e os valores apresentam-se mais altos que as referências.

Através disso, suponho que os rins não estão funcionando bem.

Então, através de um simples e barato exame de sangue, conseguimos ter uma ideia da nossa função renal.

Se for necessário, pedimos exames mais avançados como urina de 24 horas que é mais preciso para avaliar a função renal.

Podem ser exames de imagem como ultrassom ou tomografia computadorizada.

E em alguns casos mais específicos torna-se necessário a realização de biópsia renal (com uma agulha retiramos um pedaço do rim, colocamos no microscópio e olhamos o que está acontecendo a fundo naquele rim para que cheguemos em um diagnóstico mais preciso).

É como montar um quebra cabeça, é a história clínica do paciente, quais doenças ele possui, os exames necessários e, com isso, fazemos nosso diagnóstico final.

Sendo assim, uma maneira comum é o exame de sangue da creatinina (que é simples e barato de fazer).

Leia mais  Principais Benefícios Para Saúde De Uma Dieta Cetogênica

E, caso ele levante suspeitas, outras avaliações podem ser pedidas pelo seu médico de confiança – como ultrassom, tomografia, e mesmo biópsia.

Fonte: entrevista com o médico Flávio Barros – disponível em Rins, Saúde Renal, E Alimentação Com O Dr. Flávio Barros

 

Comentários