Agenda Metropolitana

‘Cristo dos dias de hoje’ é destaque do teatro de Páscoa em São Roque

Espetáculo “Jesus Esperança”, apresentado de 13 a 16 de abril, às 19h30, na Brasital, tem Portinari, cordel e música popular

Marinaldo Cruz Filho

Espetáculo Jesus Esperança é apresentado em São Roque
“Jesus Esperança” apresenta a Paixão de Cristo em linguagem contemporânea (REPRODUÇÃO)

Como seriam a vida, o calvário, a morte e a ressurreição de Jesus Cristo nos dias de hoje? Essa é uma das facetas do espetáculo “Jesus Esperança”, que será apresentado em São Roque, nas noites de 13 a 16 de abril. A proposta é renovar o tradicional teatro da Páscoa, narrando os acontecimentos primordiais do Cristianismo por meio de linguagens contemporâneas.

Neste ano, a montagem coordenada por Ismael Hergesel e Wesley Furquim inclui diversos elementos da cultura brasileira, como os registros de retirantes de Cândido Portinari, xilogravuras da literatura de cordel e músicas populares. “Tudo isso em uma ambientação grotesca, onde se encontra pessoas famintas e escassas”, descreve a Divisão de Cultura da estância turística, responsável pelo evento.

Peça é uma superprodução, com a participação de mais de uma centena de artistas
Peça é uma superprodução, com a participação de mais de uma centena de artistas (REPRODUÇÃO)

Superprodução teatral

Produzido como uma superprodução, “Jesus Esperança” tem quase duas horas de duração. A equipe é composta por mais de uma centena de pessoas, envolvendo cerca de 50 atores, 40 bailarinos, artistas circenses e músicos. Nos bastidores, um batalhão de outros profissionais se reveza par fazer tudo funcionar dentro do script, de maquiadores e técnicos de iluminação a costureiras e marceneiros.

Leia mais  Salto recebe Banda Sinfônica do Estado e ‘O grande show’ no fim de semana

Trilha sonora ao vivo

Outro diferencial de “Jesus Esperança” é a trilha sonora ao vivo. A maior parte das músicas que seguem a trajetória do Filho de Deus na Terra é interpretada pela Fanfarra Municipal Schoenacker – sob a regência de Alessandro Sampieri –, e corais são-roquenses que entoam versos de poemas e de músicas populares.

A proposta da dupla de autores – Hergesel e Furquim – é dar continuidade ao movimento de reciprocidade iniciado no espetáculo de 2018. Neste ano, “Jesus Esperança” questiona amaneira como os seres humanos lidam uns com os outros e enfrentam seus problemas em meio à divisão social na qual se encontram. “Uma atuação diferente, com nuances ousadas pela estética”, resumem os autores.

Espetáculo solidário

“Jesus Esperança” é um espetáculo gratuito, porém, a Divisão de Cultura vai arrecadar alimentos não perecíveis para serem doados ao Fundo Social de Solidariedade. Os ingressos devem ser retirados na Divisão de Cultura — na Brasital –, até o dia 12 de abril, das 9h às 16h, e no sábado (13), das 9h às 12h, na Briquedoteca Municipal Oswaldo Perino. Entradas remanescentes serão distribuídas nos dias de apresentação, das 17h às 18h.

Leia mais  Câmara de Mairinque aprova lei que proíbe o uso de canudos plásticos
“Jesus Esperança” questiona amaneira como os seres humanos lidam uns com os outros
“Jesus Esperança” questiona amaneira como os seres humanos lidam uns com os outros (REPRODUÇÃO)

Serviço – Teatro de Páscoa “Jesus Esperança”, dias 13, 14, 15, e 16 de abril, 19h30.

Apresentações serão no Salão Darcy Penteado (Cect Brasital), localizado na Avenida Araçaí, 250, no Centro. A Briquedoteca Municipal funciona no mesmo endereço do Cect, na antiga Brasital.

Mais informações sobre o evento podem ser obtidas pelo telefone (11) 4784-3076, no site da Prefeitura Municipal de São Roque e nas redes sociais da Divisão Municipal de Cultura.

Comentários