Turismo

Um santuário para os amantes da natureza

Um santuário para os amantes da natureza
Caraça é opção para quem busca tranquilidade ao ar livre. Crédito da foto: Divulgação

A temporada das flores está chegando e a época da primavera é ideal para visitar o interior de Minas Gerais. E um lugar que chama a atenção por oferecer tranquilidade e, ao mesmo tempo, convivência direta com a natureza é o Santuário do Caraça, perto de Barão de Cocais e Catas Altas. É possível encontrar grande variedade de espécies de plantas e a região é considerada uma das mais importantes reservas ecológicas do país.

O complexo do santuário tem 12.500 hectares de Mata Atlântica, campos rupestres e cerrado. Além disso, oferece ao turista diversas trilhas, com diferentes níveis de dificuldade, passando por belíssimas paisagens e chegando a lindas cachoeiras. Durante as caminhadas pelas trilhas, os visitantes podem contemplar as maravilhas da rica biodiversidade.

Os dois picos mais altos da Serra do Espinhaço estão dentro da reserva natural do Santuário do Caraça: o Pico do Sol, que fica a 2.072 metros de altitude, e o Inficionado, com 2.068 metros, compondo o belo relevo da região.

Um dos grandes atrativos do Santuário do Caraça é a famosa “hora do lobo”. A tradição de aguardar a visita do lobo-guará todas as noites, começou em maio de 1982, quando algumas lixeiras começaram a aparecer reviradas e descobriu-se o autor da bagunça. Desde então, a pessoas passaram a colocar bandejas de carne para os bichos. Hoje, esses lindos animais chegam bem perto das pessoas e fazem suas refeições à vista de todos.

Os visitantes também podem conhecer o museu e a primeira igreja neogótica do Brasil, construída sem mão de obra escrava e toda com material regional: pedra-sabão, mármore e quartzito, unidas com produtos de base de cal, pó de pedra e óleo.

Por conta da pandemia, estão suspensas apenas as visitas de pessoas pertencentes ao grupo de risco. Para mais informações, consulte www.santuariodocaraca.com.br . (sigaomapa.blog)

Comentários