Turismo

Bigode de gato não pode ser aparado

Ao ter o bigode aparado, o gato irá perder muito da capacidade de equilíbrio, bem como da noção espacial
Bigode de gato não pode ser aparado
Pelos mantêm a capacidade de equilíbrio dos animais. Crédito da foto: Aldo V. Silva / Arquivo JCS (12/8/2013)

O bigode do gato não tem efeito estético e nem deve ser comparado ao do ser humano. Por isso, o do animal nunca deve ser cortado ou aparado, segundo orientam veterinários. Conforme explicam, com o corte ou mesmo ao ter os fios aparados, o gato irá perder muito da capacidade de equilíbrio, bem como da noção espacial. Dessa forma, entre outras consequências, ficará sujeito a quedas durante os saltos.

Leia mais  Reino Unido proíbe venda de filhotes de cães e gatos em pet shops

 

Outro fato é que eles acabam ficando mais irritadiços e estressados por conta do bigode aparado. Caso os gatos percam fios ou parte deles por alguma outra razão, os pelos voltarão a crescer.

Outra situação que incomoda os gatos é os donos quererem brincar com o bigode deles. Cientificamente, o nome dos pelos é vibrissas e são muito sensíveis. Os gatos sentem toda e qualquer vibração, mesmo que seja só carinho. (Da Redação)

Comentários

CLASSICRUZEIRO