Motor

Virtus é o sedã compacto escolhido como o melhor lançamento de 2018

Associação Brasileira da Imprensa Automotiva também premiou o Mustang e o Jeep Compass
VW Virtus é o carro do ano
Crédito da foto: Adalberto Vieira

A Associação Brasileira da Imprensa Automotiva (Abiauto), entidade que congrega jornalistas especializados de praticamente todas as unidades da federação, realizou na última terça-feira (11) a escolha e premiação dos veículos que mais se destacaram durante o ano de 2018 em suas categorias. Além da premiação por categorias, o Volkswagen Virtus, sedã da marca alemã lançado este ano, foi escolhido como Carro Abiauto, ou seja, o melhor dos melhores do ano.

VW Virtus é o carro do ano
Crédito da foto: Adalberto Vieira

A Abiauto foi criada há 20 anos e hoje congrega dezenas de associados e 35 eleitores de todo o Brasil e se transformou em um dos principais prêmios da indústria automotiva brasileira. No ano seguinte a sua fundação, em 1999, a entidade premiou o Mercedes-Benz Classe A, o primeiro veículo da marca produzido no Brasil, em Juiz de Fora (MG) como o Carro Abiauto. A importância do Prêmio Abiauto está no fato de seus eleitores cobrirem todo o território nacional.

Leia mais  Um ano cheio de boas novidades no mercado automotivo

Além do Volkswagen Virtus, escolhido como Carro Abiauto, foram premiados os seguintes veículos:

VW Virtus é o carro do ano
O Mercedes Classe A foi o primeiro Carro Abiauto, em 1999. Crédito da foto: Adalberto Vieira

– categoria nacional até 1.2l, Volkswagen Virtus

– categoria nacional de 1,2l TÉ 1,6l, Fiat Chronos

– categoria nacional acima 1,6l – Mercedes-Benz Classe C

– melhor picape – Volkswagen Amarok V6

– melhor importado – Ford Mustang

– melhor SUV/Crossover – Jeep Compass

– melhor moto Triumph Tiger 1200

Homenagens

VW Virtus é o carro do ano
Todos os vencedores deste ano da Associação Brasileira da Imprensa Automotiva. Crédito da foto: Adalberto Vieira

Durante a entrega do prêmio e almoço de confraternização no Buffet Torres, em São Paulo, foram prestadas várias homenagens. Foram homenageados os ex-presidentes da entidade, entre eles o fundador, jornalista Mário Pati, que completou 91 anos na véspera da entrega do prêmio; o piloto Wilson Fittipaldi e ao jornalista especializado José Luiz Vieira, um dos mais completos e experientes jornalistas do setor. Também foi homenageado por seus pares o jornalista Douglas Mendonça, que já atuou como editor das mais representativas publicações do setor. Na solenidade foi apresentado um emocionante filme sobre uma surpresa preparada por seus amigos. Com sérios problemas de visão, Douglas deu três voltas na pista de Interlagos dirigindo um carro de competição com o auxílio do piloto Roberto Manzini. Matou a saudade dos tempos que sua maior paixão era testar o desempenho de carros na pista.

Comentários