Mix

Tem gato novo na casa, e agora?

O dono dos bichanos pode fazer algumas coisas para a harmonia entre o recém-chegado e o veterano
Tem gato novo na casa, e agora?
Brincadeiras entre os gatos da casa ajudam na socialização. Crédito da foto: Adina Voicu por Pixabay

Todo tutor que tem mais de um gato em casa já passou por algum tipo de dificuldade para adaptar os bichanos seja pelo novo membro da família que chega a um lugar novo ou pelo “veterano” que não estava esperando pelo novo irmão. A médica-veterinária Ciciane Marten reconhece que essa é uma situação delicada, mas destaca que o dono dos bichanos pode fazer algumas coisas para facilitar a aproximação e a harmonia entre o recém-chegado e o veterano.

Leia mais  Bigode de gato não pode ser aparado

 

O processo de adaptação do novo gato começa antes mesmo dele chegar ao lar, segundo Ciciane. “A principal conduta antes de trazer o animal para o novo lar é o tutor ter a certeza de que quer ter o animal e as responsabilidades de assumir os gastos em tê-lo”, explica.

Ciciane também explica que brinquedinhos como arranhadores, bolinhas, bichinhos de pelúcia e caixas de papelão permitem que o gatinho se sinta bem e comece a descobrir o novo ambiente de forma mais lúdica.

“Fazer com que os animais da casa brinquem com o novo gatinho é importante. O tutor será o elo entre eles, estimulando jogos com os brinquedos. Fornecer um alimento mais suculento como os sachês para todos os animais da casa comerem ao mesmo tempo também surtirá uma sensação de prazer e bem estar em todos os animais”, sugere.

Os gatos podem ser territorialistas e uma outra dica dada pela veterinária é manter um pote de água, de ração e uma caixa de areia para cada gato. Permitir que os gatos tenham “esconderijos” é outro segredinho para que eles sintam-se mais à vontade. Em seus enconderijos os gatos sentem-se mais seguros, assim como quando estão em lugares altos. Então, instalar prateleiras em que os gatos possam subir também é uma forma de acalmar os bichanos.

Em caso de estranhamento entre os animais, Ciciane também explica como proceder. “A primeira coisa que o tutor deve fazer é ter paciência. Cada gato possui sua própria personalidade, alguns são mais sociáveis, outros não”, diz. (Portal Melhores Amigos)

Comentários
Assuntos