Cruzeirinho

Páscoa em casa pode ser bem divertida

Crianças se adaptam e usam a imaginação para aproveitar a data com segurança
Páscoa em casa pode ser bem divertida
Lis, de 4 anos, adora participar da caça aos ovos no domingo de Páscoa. Crédito da foto: Arquivo Pessoal

Finalmente chegou uma das datas comemorativas mais esperadas pelas crianças. Você sabe qual é? Uma dica: ela reúne coelhos, ovos e muito chocolate. Adivinhou? Sim, hoje (4) comemoramos a Páscoa — feriado religioso que celebra a ressurreição de Jesus Cristo. Pela segunda vez, a Páscoa vai ser celebrada em meio à pandemia da Covid-19. Enquanto o coronavírus não vai embora, temos que nos adaptar e usar a imaginação para aproveitar o feriado em casa. Afinal, o coelho da Páscoa vai entregar os ovos de chocolate para as crianças boazinhas, mas desta vez usando máscara e higienizando as patinhas com álcool em gel.

De olhos vermelhos, de pelos branquinhos e de orelhas bem grandes, o coelhinho da Páscoa é a figura favorita das crianças. Isso porque ele costuma esconder os ovos de chocolate pela casa, deixando pistas para as crianças os encontrarem. A Lis Romano Leonardo, de 4 anos, adora participar da caça aos ovos, que acontece todo domingo de Páscoa. “Eu acordo e vou procurar”. Segundo ela, o coelho sempre deixa algumas dicas e pistas para facilitar a busca. “Da última vez, tinham pelinhos de algodão do coelhinho caídos no chão. Eu fui seguindo e fui achando os ovinhos de Páscoa. Ele deixou os pelinhos caírem para ficar mais fácil de achar os ovinhos”, acredita.

Antes da pandemia, Lis costumava passar o feriado na casa da vovó, em Presidente Prudente. Porém, com as medidas de isolamento social, esse é o segundo ano que ela vai ficar em casa, em Sorocaba, com os pais. E para matar a saudade da família, Lis vai fazer uma videochamada para falar com as duas avós e com a bisavó. “Eu vou contar como foi a Páscoa e mostrar pela câmera os ovos que ganhei”, conta.

Leia mais  Deu zebra!

Ansiosa pela visita do coelho, a pequena ajudou a mamãe a decorar a casa toda para a Páscoa. Elas fizeram até uma árvore com ovinhos pendurados. “Eu preparei alguns desenhos para o coelho. Fiz dois coelhos, aí a gente pintou e deixou na árvore para decorar”. Para entrar no clima da Páscoa, no último domingo (28) Lis até participou de uma oficina on-line para rechear ovos de chocolate, realizada pelo Shopping Iguatemi Esplanada. “Eu montei um ovo de Páscoa. Foi muito legal e divertido. Eu nunca tinha participado. O meu ovo ficou bonito, fiz um Mickey com bolinhas de brigadeiro. Fiquei com dó de comer ele porque ficou muito lindo. Mas depois eu comi, estava bem gostoso”.

Páscoa em casa pode ser bem divertida
Vitor Oliveira, de 9 anos, aprendeu a rechear ovos de chocolate em oficina on-line. Crédito da foto: Arquivo Pessoal

O Vitor de Alencar de Oliveira, de 9 anos, que está no 4º ano do Ensino Fundamental I, também gostou de participar da oficina virtual. “Eu fiz um ovo de Páscoa. Eu tive que colocar o recheio e o granulado. E depois eu comi o ovo. Estava muito gostoso”. Para Vitor, a Páscoa é uma de suas datas comemorativas preferidas. Isso porque, segundo ele, o feriado tem chocolate e brincadeiras, como a caça aos ovos. “Vou fazer isso nessa Páscoa com a minha irmã, minha mãe e meu pai”, conta.

Páscoa em casa pode ser bem divertida
Crédito da foto: Arquivo Pessoal

Vitor também estava ansioso para a chegada da Páscoa, principalmente para começar a procurar os ovos de chocolate escondidos pela casa. “O coelho esconde os ovos. As vezes eu acho difícil encontrar, mas as vezes eu acho fácil”. Para ele, os ovos de chocolate são a parte mais gostosa do feriado. “Eu como muito chocolate na Páscoa”, confessa. Porém, além de saborear os ovos de chocolate, o pequeno diz que a Páscoa também é um dia parar ficar junto com a família.

Os irmãos Theo Augusto Queiroz Bueno, de 10 anos, e Helena Maria Queiroz Bueno, de 3 anos, concordam com Vitor. Já que, segundo eles, a data é muito importante. “Não é importante só por conta dos ovos de chocolate, mas também pela ressurreição de Jesus”, destaca Theo, que está no 5º ano do Ensino Fundamental I. Helena completa: “Jesus também é importante”. Por conta da pandemia, Theo diz que agora temos que reduzir o número de pessoas para comemorar a Páscoa. “Não pode passar do limite. Antes, a gente comemorava com a família inteira, fazia almoço, brincadeiras e entregava os ovos”, lembra ao dizer que dessa vez vai ser um pouquinho diferente.

Leia mais  Cadê?!
Páscoa em casa pode ser bem divertida
Os irmãos Theo, de 10 anos, e Helena, de 3, também se aventuraram na cozinha. Crédito da foto: Arquivo Pessoal

Esse ano, ele a irmã vão passar a Páscoa apenas com os pais e com os dois primos, na chácara, em Pilar do Sul. “De manhã vou servir na igreja, na missa de Páscoa, que vai ser on-line”, conta Theo. Segundo ele, vai ser na chácara que os dois farão a caça aos ovos, junto com os dois primos. “É muito divertido”, contam. Os irmãos estavam ansiosos para a chegada desse domingo. Isso porque, para eles, a melhor coisa da Páscoa é encontrar os ovos que o coelho escondeu. “Não é muito difícil de achar, porque na caça aos ovos tem uma seta que indica a direção onde os ovos estão. Aí a gente vai seguindo até encontrar o ovos. E tem umas dicas também”, explica Theo. “Eu vou procurar. Não vai ser difícil de encontrar. O Theo vai me ajudar. Vou ganhar muitos ovos de Páscoa”, acredita Helena, que está matriculada no Infantil 2.

Além de passar a Páscoa na chácara, esse ano os irmãos fizeram os próprios ovos de Páscoa, com a ajuda da mamãe. “Foi muito divertido, tinha até forminha de videogame”. Segundo Theo, não é tão difícil fazer os ovos de chocolate, já que é só colocar o chocolate na forminha, mexer e deixar esfriar na geladeira. “E se quiser pode colocar um pouco de confete. Fica muito bom”, afirma. Porém, Helena diz que dá um pouquinho de trabalho. “É difícil, faz muita sujeira com o chocolate. Uma meleca”, confessa ao dizer que no final toda a bagunça vale a pena. Neste domingo, quando os dois encontrarem os ovos, eles farão uma chamada de vídeo para mostrar os presentes para toda a família. “A gente vai estar junto virtualmente”, destacam. E você, como vai celebrar a Páscoa esse ano? (Jéssica Nascimento)

Comentários