fbpx
Casa e Acabamento

Cor rose gold é tendência em móveis de decoração

Profissionais recomendam trabalhar com tons neutros e evitar os mais vibrantes
Cor rose gold é tendência
Tonalidade, na mesa de centro, deve ser combinada com outros elementos, sem exageros. Crédito da foto: Divulgação

A decoração lança tendências todos os anos. Assim como na moda, algumas são passageiras, mas outras se destacam e permanecem. É o caso do rose gold, uma combinação entre o rosa e o acobreado.

O tom elegante traz um toque contemporâneo. Entusiasmadas pela cor, as arquitetas Danielle Dantas e Paula Passos, do escritório Dantas & Passos Arquitetura, reuniram dicas e projetos que mostram a utilização do rose gold em diferentes espaços da casa.

As profissionais recomendam trabalhar com tons neutros e evitar os mais vibrantes. “Para evidenciar o rose, em nossos projetos buscamos cores cleans, como branco, bege e nuances de cinza. No contraponto, também fica perfeito se acompanhado por tons rosados, azul marinho ou outros mais fechados”, explica Paula.

Apesar de parecer mais usual na sala de estar, a cor também combina com a decoração de dormitórios, banheiro e pode até mesmo aparecer na cozinha.

Leia mais  Como escolher o sistema de descarga para o vaso sanitário?

“A cor deve ser usada sem exagero e em pequenas pitadas. Na sala de estar ou jantar, podemos trazer o rose no lustre, na mesa lateral ou de centro, molduras de quadros, espelhos e vasos, por exemplo. Já no caso de um lavabo, pode aparecer na papeleira ou em algum outro item decorativo”, indica Danielle.

No quarto, pode estar presente em detalhes como o abajur ou a cabeceira da cama. Em projetos com metragem reduzida é importante dosar e aplicar o tom com parcimônia, pois em excesso a cor pode deixar o ambiente um pouco pesado”, finaliza Paula.

Comentários