Casa e Acabamento

Coleção resgata ares portugueses por meio de pastilhas decorativas

O processo de decalque, em folha especial impressa com os desenhos da coleção, ocorre sobre uma pastilha branca já pronta
Coleção resgata ares portugueses
Pastilhas reproduzem os clássicos arabescos azuis em fundo branco. Crédito da foto: Divulgação Jatobá

A coleção Quintas, da Jatobá Pastilhas, foi inspirada na azulejaria portuguesa e seus elementos orientais da época das colonizações. As peças têm os clássicos arabescos azuis em fundo branco. Por meio da técnica do decalque são criados vários desenhos. As imagens também podem ser figurativas, com gravuras voltadas à cultura lusitana, como as caravelas das grandes navegações.

O processo de decalque, em folha especial impressa com os desenhos da coleção, ocorre sobre uma pastilha branca já pronta, que passa então por prensagem, esmaltação e queima. Em seguida, há uma segunda queima, processo no qual a tinta das folhas aplicadas nas pastilhas brancas é transferida ao esmalte branco, já seco.

Leia mais  68 metros quadrados eficientes e chiques para sua decoração

 

A coleção Quintas tem as mesmas características da pastilha de porcelana esmaltada e, portanto, deve ser aplicada com argamassa padrão ACIII flexível e rejunte cimentício ou acrílico, conforme a Jatobá Pastilhas. É indicada para paredes dos mais variados ambientes, que pode compreender de um grande espaço até um detalhe do revestimento, e oferecida no formato 5 cm x 5 cm.

“As estampas de azulejo português conquistaram definitivamente o seu espaço na decoração. No Brasil, tem lugar cativo e, diante disso, a Jatobá Pastilhas tem como maior foco as butiques e os especificadores, que conseguem, com essa coleção, agregar valor, conceito e um toque de tradição aos projetos”, diz Natalia Carmona Souza, analista de Projetos e Marketing da Jatobá Pastilhas.

História

Os azulejos portugueses se tornaram referência artística portuguesa desde 1498, sendo considerados mais do que um simples elemento decorativo, mas algo que espelhava os ideais de um povo e o intercâmbio cultural. Por conta da colonização portuguesa no Brasil, muitos desses revestimentos foram chegando para compor obras que até hoje fazem parte de prédios preservados e ajudam a contar essa história.

Comentários

CLASSICRUZEIRO