Buscar no Cruzeiro

Buscar

Vagões doados pela Vale já estão em Sorocaba

10 de Novembro de 2020 às 00:01

Vagões doados pela Vale já estão em Sorocaba Os vagões foram descarregados no bairro Parada do Alto, içados e colocados sobre os trilhos da ferrovia Sorocaba - Votorantim para serem trazidos à estação. Crédito da foto: Eric Mantuan (7/11/2020)

Os quatro vagões de passageiros doados pela empresa Vale a duas entidades que atuam na preservação da memória ferroviária chegaram a Sorocaba no último sábado (7) após um percurso de mais de 1 mil quilômetros.

Os carros construídos em inox foram trazidos de Cariacica, no Espírito Santo, em carretas de 25 metros de comprimento, e descarregados no bairro Parada do Alto, onde foram içados e colocados sobre os trilhos da ferrovia Sorocaba - Votorantim para serem conduzidos por uma locomotiva até a Estação Paula Souza. Os veículos estão sob responsabilidade da Sorocabana - Movimento de Preservação Ferroviária e da Associação de Preservação da Memória Ferroviária (APMF).

Vagões doados pela Vale já estão em Sorocaba Eles estão sob a responsabilidade da Sorocabana - Movimento de Preservação Ferroviária e da Associação de Preservação da Memória Ferroviária (APMF). Crédito da foto: Eric Mantuan (7/11/2020)

Dos quatro vagões, dois estão em condições de uso e vão ampliar a capacidade de passageiros do projeto de trem turístico Sorocaba-Votorantim. Os outros dois ficarão garageados na Paula Souza e serão restaurados pelos membros das associações contempladas com a doação.

A operação logística para o transporte dos vagões, que têm restrições de tráfego nas rodovias em virtude do peso e do entre-eixo das carretas, começou no dia 25 de novembro e envolveu aproximadamente 15 pessoas. Além de doar os bens ferroviários, a Vale patrocinou o transporte entre Cariacica e Sorocaba.

Vagões doados pela Vale já estão em Sorocaba Dois vagões ficarão garageados na Paula Souza e serão restaurados pelas associações contempladas. Crédito da foto: Eric Mantuan (7/11/2020)

Construídos pela antiga Material Ferroviário S/A (Mafersa) em 1963, os quatro carros série 800 são originários do trem Superluxo, da antiga Estrada de Ferro Sorocabana (EFS), e, por isso, têm valor histórico para a ferrovia da região. Eles foram vendidos pela Rede Ferroviária Federal S/A (RFFSA) à Vale em 2002 e circularam até 2014 entre Belo Horizonte (BH) e Vitória (ES), quando a frota da companhia foi renovada. (Felipe Shikama)