Sorocaba e Região

Usuários reclamam de alteração nas linhas de ônibus em Sorocaba

Moradores do Parque São Bento 2 e Vila Progresso sentem-se prejudicados aos domingos e feriados
Usuários reclamam de alteração nas linhas
A Urbes diz que as mudanças foram feitas devido aos itinerários semelhantes de algumas linhas e à baixa demanda. Crédito da foto: Emidio Marques

Usuários do transporte coletivo que residem nos bairros Parque São Bento 2 e Vila Progresso sentem-se prejudicados com a alteração feita pela Urbes – Trânsito e Transportes nas referidas linhas, que agora passaram a atender outros bairros aos domingos e feriados. Para os passageiros, os trajetos ficaram mais longos, e a oferta de ônibus diminuiu. A empresa gerenciadora do transporte público justifica as alterações devido à baixa demanda nesses dias, além dos itinerários semelhantes.

Com as mudanças, a linha 70 (Novo Horizonte/Nova Sorocaba) deixa de circular aos domingos e feriados, e os moradores desses dois bairros passaram a ser atendidos pela linha 62/1 (Parque São Bento 2). A linha 19 (Vila Progresso) também já deixou de rodar aos domingos e feriados, e quem reside no referido bairro, conta agora com a linha 23 (Industrial/Dois Corações).

As alterações, em vigor desde o dia 23 de setembro, já causaram transtorno para alguns usuários, que não sabiam das modificações implantadas e, por isso, perderam a condução para o trabalho, ou pelas consequências provocadas pelas viagens mais longas.

Espera maior

A atendente de farmácia Thaila Oliveira mora no bairro Ipanema Ville, utiliza a linha Parque São Bento e afirma que “realmente ficou horrível, pois no bairro há várias pessoas que trabalham nos finais de semana e em feriado, e já haviam poucos horários”, relata. Além disso, ela comenta que antes a espera pelo ônibus do Parque São Bento 2 já ultrapassava 50 minutos, e que agora, com essa linha passando pelos bairros Novo Horizonte/Nova Sorocaba, o trajeto do Centro ao bairro ficou ainda mais demorado, “uma vez que a linha do São Bento já possui grande demanda por atender os bairros que margeiam a avenida Ipanema, como, por exemplo, o Jardim Botucatu e o Jardim Betânia, ou seja, um descaso total”, enfatizou.

Usuários reclamam de alteração nas linhas
Karina Barbosa. Crédito da foto: Emidio Marques

A estudante Karina Barbosa, que reside na região da linha 70, avalia que além de quem usa o transporte público para trabalhar, a alteração deve piorar bastante também para quem utiliza o transporte para o lazer. A usuária Eliana Sampaio também vê como “um absurdo tais alterações, diante de uma passagem tão cara”.

Usuários reclamam de alteração nas linhas
Eliana Quesada. Crédito da foto: Emidio Marques

A dona de casa Eliana Quesada acha que deveria baixar o valor nos dias em que se vigora a alteração, sendo que “o itinerário já é longo e demorado”.

Usuários reclamam de alteração nas linhas
Edjani Zanardi. Crédito da foto: Emidio Marques

Moradora na Vila Progresso, a operadora de caixa Edjani Zanardi chegou atrasada ao trabalho no domingo porque não sabia que a linha 19 não mais circula nesse dia. “Eu precisava pegar o Vila Progresso que sairia do ponto final às 6h, mas só consegui pegar o Aparecidinha via Éden às 6h35, não tendo passado nenhum outro ônibus pela avenida Artur Bernardes por todo aquele tempo”.

Usuários reclamam de alteração nas linhas
Justo M. Hamiu. Crédito da foto: Emidio Marques

O aposentado Justo Massashi Haniu acredita que essa junção das linhas, com o bairro sendo atendido apenas pela linha 23, possa fazer diferença significativa especialmente para quem trabalha em domingo e feriado.

Urbes

Em nota, a Urbes informou que a baixa demanda de passageiros e o itinerário semelhante foi o que justificou as alterações nessas linhas, inicialmente aos domingos e feriados.

A Urbes também destacou que com a junção da linha Parque São Bento 2 com a da Novo Horizonte/Nova Sorocaba, foi possível reduzir os intervalos de 50 para 36 minutos, mantendo o itinerário atual dentro de cada bairro.

A empresa pública explicou, ainda, que a retirada do ônibus da Vila Progresso naqueles dias específicos se deu igualmente pela baixa demanda e itinerários semelhantes. E acrescentou que, no momento, não estão previstas outras mudanças nas linhas do transporte coletivo.

Comentários

CLASSICRUZEIRO