Informação Livre Sorocaba e Região

Sede da Prefeitura de Salto é oficializada na abadia de São Norberto

De acordo com o Executivo, o novo espaço traz economia superior a R$ 320 mil por ano com aluguéis
Sede da Prefeitura de Salto é oficializada na abadia de São Norberto
Crédito da foto: Divulgação /  Prefeitura de Salto

Salto, na Região Metropolitana de Sorocaba (RMS), oficializou o Paço Municipal na Abadia de São Norberto, localizada na avenida Tranquillo Giannini, 861, no Distrito Industrial Santos Dumont.

Apesar de a instalação ter ocorrido em fevereiro, o ato de entrega ocorreu na quarta-feira em ato solene, conduzido pelo prefeito Geraldo Garcia.

A entrega oficial da nova prefeitura marca também a centralização das áreas administrativas das secretarias municipais em um único espaço.

Com mais de 39 mil m2 e aproximadamente 6.800 m2 de construção, o novo espaço, argumenta o Executivo, traz economia superior a R$ 320 mil por ano com aluguéis e um total de R$ 1.278.268,08 com despesas gerais.

Bom Prato

A gratuidade das refeições oferecidas na Rede Bom Prato aos moradores em situação de rua será prorrogada até o dia 30 de abril.

Leia mais  Um dia na História

A decisão foi publicada quarta-feira no Diário Oficial. “A prorrogação da gratuidade nas refeições é uma das nossas ações de proteção social para amparar as pessoas em situação de maior vulnerabilidade social”, segundo a secretária de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo, Célia Parnes.

A gratuidade nas refeições da Rede Bom Prato para pessoas em situação de rua teve início em junho, mediante cadastramento das Prefeituras e apresentação do cartão com QR Code pelos beneficiários.

Desde o início da pandemia da Covid-19, os 59 restaurantes Bom Prato adaptaram o atendimento, passando a servir três refeições diárias (café da manhã, almoço e jantar) em embalagens descartáveis e para retirada, inclusive aos finais de semana.

Plantão no TJ

Com o plantão especial de recesso de final de ano, que começou em 19 de dezembro e vai até 6 de janeiro, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo mantém os trabalhos de urgência de forma exclusivamente no formato digital na 1ª e 2ª instâncias, das 9h às 13h. No caso de situações de processos em 1º grau, os pedidos realizados após as 13h serão apreciados no plantão do dia seguinte.

Leia mais  Confira o que as cartas preveem para 2021

Ausência nas eleições

O eleitor que não votou em um dos turnos das eleições 2020 tem até 60 dias após cada um deles para justificar sua ausência perante a Justiça Eleitoral.

Assim, quem não votou no 1º turno, terá até o dia 14 de janeiro para fazer a justificativa e, quem não votou no 2º turno, até o dia 28 de janeiro, informa o Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

A justificativa deve ser feita pela internet, no Sistema Justifica, no site do TRE. O eleitor deve preencher o requerimento de justificativa e anexar documento que comprove o impedimento.

A tramitação do pedido pode ser acompanhada pelo próprio sistema. Caso o eleitor não justifique no prazo ou a justificativa não seja aceita pelo juiz eleitoral, ele deverá pagar multa, de R$ 3,51.

Para isso, deverá gerar a Guia de Recolhimento da União (GRU) diretamente no site do TRE-SP e realizar o pagamento no Banco do Brasil.

Comentários