fbpx
Sorocaba e Região

Regiões de Sorocaba podem ficar sem água na tarde desta sexta

Serão afetadas as regiões do Cajuru, Iporanga 2 e parte alta da Vila Haro
Saae diz que Ipaneminha está em estado de atenção
A represa de Ipaneminha está com 20% de nível de água. Crédito da foto: Erick Pinheiro

Três regiões de Sorocaba poderão ter o abastecimento de água interrompido na tarde desta sexta-feira (18). O alerta foi emitido pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae).

Segundo a autarquia, a região do Cajuru poderá ficar sem água a partir das 14h. Já a região do Iporanga 2 (Jardim do Paço, Vicente Moraes,Vila Inglesa e Vila Suíça) e a parte alta da Vila Haro (Jardim Prestes de Barros, Jardim Gutierres, Jardim Rosalia Alcolea e Parque Três Meninos) poderão ter o abastecimento interrompido por volta das 17h.

Conforme o Saae, o motivo é o aumento no consumo aliado ao calor e à falta de chuva. Nos dois casos, a normalização está prevista para a noite de hoje ou madrugada de sábado (19).

Desde sábado

O abastecimento de água vem sendo interrompido em algumas regiões desde sábado, dia 12, no feriado do Dia das Crianças. Na ocasião, bombas de cinco reservatórios foram desligadas e religadas na manhã de domingo.

A falta de água afetou bairros abastecidos pelos reservatórios do Júlio de Mesquita Filho, da Vila Barão, da Terra Vermelha, do Horto e do Maria Eugênia.

Segundo o Saae, o desligamento ocorreu em decorrência da falta d’água na Estação de Tratamento de Água (ETA) do Cerrado, “por conta do consumo elevado devido ao calor”.

Represas com níveis baixos

A autarquia emitiu um alerta sobre o risco de falta de água em Sorocaba, já que todas as represas estão com os níveis considerados baixos.

A autarquia informou ainda que atualmente a represa de Ipaneminha está com 20% de nível de água. O manancial é um complemente no abastecimento de água bruta da Estação de Tratamento de Água (ETA) Cerrado.

As represas Castelinho e Ferraz, que atendem a região industrial, como Éden, Cajuru e Aparecidinha, estão com 15% de nível de água.

Comentários