Sorocaba e Região

Promessa de boas vendas expande Black Friday

Data comercial faz com que setores diversos como seguro e material de construção também façam promoções
Promessa de boas vendas expande Black Friday
Black Friday cresceu com necessidade de aumentar vendas. Crédito da foto: Fábio Rogério / Arquivo JCS (24/11/2017)

Amanhã acontece a Black Friday e as promoções, antes comuns somente em shoppings e supermercados, agora se estendem para outros setores como de material de construção, cinema, imóveis, turismo, seguro e até mesmo leilão de carros. Adotada há cerca de 10 anos no Brasil, a Black Friday surgiu pela necessidade de desenvolver o comércio diante de crises econômicas, criando promoções e, consequentemente, aumentando as vendas, gerando emprego e renda.

O leilão de carros realizado pelo Detran chamou a atenção. O órgão antecipou a data e abriu os lances no início de novembro, encerrando o recebimento de propostas na última terça. Muitas agências e sites de viagens também divulgaram promoções. O mesmo acontece com construtoras, que anunciam algumas isenções de taxas como benefício na última sexta-feira do mês.

Embora o dia oficial seja amanhã, há lojas que anteciparam suas ofertas desde o início do mês. Segundo a Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), a Black Friday deve ser mais forte esse ano. Em pesquisa realizada pela entidade, 89% dos entrevistados declaram que irão gastar mais e 42% que as compras devem ser antecipação de presentes de Natal.

Ainda segundo o estudo, 94% disseram que se planejam para as promoções e 98% que pesquisariam produtos e preços com antecedência. “O varejista deve aproveitar a data para oferecer a melhor experiência de compra e atendimento através da interação dos canais on-line e off-line, bem como atrair um novo público a fim de conhecer sua marca”, afirma Eduardo Terra, presidente da entidade.

De olho

Lembrar que a Black Friday é uma data comercial impulsionada por muito marketing é um fator chave para não acabar comprando itens desnecessários ou caindo em falsos descontos. Esse é o alerta feito por Conrado Navarro, especialista em finanças pessoais. “A data é marcada por trabalhar a escassez, dizendo para o consumidor que os preços incríveis durarão apenas um dia, e ainda colocar um conflito dentro das pessoas, que é o medo de não fazer um bom negócio, e então, sem perceber elas compram essa ideia”, observa.

Leia mais  Policial de Sorocaba é baleado por bandidos durante ação criminosa em Botucatu

Navarro avalia que comprar porque está barato é diferente de considerar as condições financeiras e o momento. “Aquilo que você pretende comprar com desconto na Black Friday já faz parte de seu planejamento e você tem monitorado os preços e economizado para uma compra mais barata? Excelente! Aproveite o preço baixo.” Mas, segundo o especialista, se não houve o planejamento e a compra ocorre apenas por impulso, isso pode afetar o orçamento futuro.

Além de pesquisar bastante os preços, Navarro aconselha a desconfiar de preços muito baixos, principalmente na internet.

Lojas de rua e shopping centers de Sorocaba se preparam

Lojas da região central, supermercados e shopping centers da cidade estão preparados para a Black Friday. Segundo pesquisa da Associação Comercial de Sorocaba (Acso), em parceria com a Esamc, 78% dos entrevistados devem ir às compras amanhã e a data pode injetar cerca de R$ 30 milhões na economia da cidade.

Alguns estabelecimentos devem abrir as portas mais cedo e o horário de funcionamento dos shoppings também serão ampliados. Com previsão de descontos de até 70%, o tíquete médio do sorocabano deverá ser de R$ 360, sendo que 46% das pessoas ouvidas pela Acso e que pretendem comprar vão escolher smartphones e demais eletrônicos, 29% roupas e 12% móveis e objetos para decoração.

Leia mais  Trem Republicano de Itu deve funcionar em dezembro

O presidente da Acso, Sérgio Reze, ressalta que a data já está consolidada no calendário comercial e traz esperança de uma recuperação da economia. “Este dia deve ser positivo tanto para o lojista como para o consumidor. Todavia, deve-se ter cautela, não gastar mais do que pode, planejar suas finanças e não criar pendências financeiras indesejáveis”, orienta.

Shoppings

No shopping Iguatemi Esplanada os clientes terão estacionamento gratuito para quem almoçar no local no dia da Black Friday. Além disso, poderão participar da Roleta de Descontos, de promoções de lojistas do Iguatemi. Outra novidade é a ampliação do horário de funcionamento amanhã, até 23h. “A Black Friday já conquistou seu lugar no calendário brasileiro e, sem dúvidas, é uma das datas mais importantes para o varejo”, disse Alexandre Biancamano, diretor de marketing da rede Iguatemi.

Leia mais  Doze regiões de Sorocaba ficarão sem abastecimento d'água durante 4 horas

O visitante do Shopping Cidade Sorocaba pode aproveitar, dentro da Black Friday, a companha promocional de Natal, que oferece uma bolsa como brinde a cada R$ 450 em compras. A cada R$ 150 o consumidor também concorre a um veículo Tiggo 2. O horário de funcionamento será normal.

O Pátio Cianê Shopping começa as promoções a partir da meia-noite de hoje, com a abertura das Lojas Americanas. Todas as outras lojas também terão a abertura antecipada, às 8h. Haverá ainda um festival gastronômico, com pratos e combos ao preço fixo de R$ 9,90.

Lojas do Sorocaba Shopping também participam da Black Friday. Os clientes concorrem, na campanha de Natal do shopping, a um Ecosport a partir de R$ 100 em compras.

A rede Cine Araújo, responsável pelos cinemas do Pátio Cianê e Cidade Sorocaba, estará com todas as sessões por R$ 5. (Larissa Pessoa)

Comentários