Sorocaba e Região

Prefeitura dá inicio à obra do sistema BRT na avenida Itavuvu

O Consórcio BRT Sorocaba (Consor) terá a concessão de operação do sistema por 20 anos
BRT terá investimento total de R$ 384 milhões. Foto: Divulgação

 

A Prefeitura de Sorocaba inicia hoje, na avenida Itavuvu com a rua Atanásio Soares (altura do número 2.393), as obras do sistema BRT — Bus Rapid Transit. O projeto inclui 68 km de vias, três terminais integrados, quatro estações de integração e uma garagem. O Consórcio BRT Sorocaba (Consor) terá a concessão de operação do sistema por 20 anos e a responsabilidade de adquirir 125 ônibus com wi-fi, sendo 73 padron, 11 de 15 metros e 41 articulados, todos com ar-condicionado. Uma parte desses ônibus já está circulando, após aquisições feitas pela Consor. Conforme a Prefeitura de Sorocaba, o contrato de concessão de serviço público foi assinado em 9 de fevereiro deste ano. Os terminais serão construídos imediatamente em função da liberação das áreas desapropriadas, conforme o Executivo.

Leia mais  Adolescentes são apreendidos por roubar comércio em Pilar do Sul

Sobre o processo para que o terreno onde funcionou a garagem da TCS, na avenida Ipanema, se transformem em garagem do BRT, a Prefeitura de Sorocaba lembra que o trabalho está em fase de análise e deliberações. A Prefeitura de Sorocaba informa também que os processos de desapropriações estão em fase de pagamentos e liberação das áreas.

Conforme informado pelo Cruzeiro do Sul em maio, o projeto do BRT de Sorocaba prevê três corredores: avenidas Itavuvu, Ipanema e Armando Pannunzio, além de faixas exclusivas em outras vias. O investimento total do projeto é de R$ 384 milhões. Desse valor, R$ 127 milhões são do Ministério das Cidades e contrapartida municipal é de R$ 6 milhões. O restante será obtido pelo consórcio por meio de financiamentos privados. O BRT Sorocaba é um consórcio formado pelas empresas CS Brasil e MobiBrasil.

Leia mais  Acidente em rodovia de Pilar do Sul deixa três pessoas feridas

O Ministério das Cidades informa que o contrato é um de dois em vigor em Sorocaba, com relação ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para mobilidade. A outra obra se refere a asfalto em vias da cidade.

Comentários

CLASSICRUZEIRO