Sorocaba e Região

Operações integradas retiram pessoas em situação de rua

Duas pessoas em situação de rua aceitaram ser encaminhadas ao SOS; as demais não quiseram auxílio, mas foram orientadas
Operação integrada faz abordagem social
Um dos lugares visitados pela equipe foi a Rodoviária de Sorocaba. Crédito da foto: Secom Sorocaba

Atualizada às 17h08

As operações integradas para abordagem social a pessoas em situação de rua continuam regularmente em Sorocaba, realizadas pela Guarda Civil Municipal (GCM), Secretaria da Cidadania (Secid), Serviço de Obras Sociais (SOS) e Polícia Militar (PM). A ação mais recente ocorreu na noite desta quarta-feira (24) e 14 pessoas foram abordadas na região central da cidade.

Desta vez, a equipe visitou três pontos: a Rodoviária, a praça em frente ao Cemitério da Saudade e a Rua Luiz Mendes de Almeida. Duas pessoas em situação de rua aceitaram ser encaminhadas ao SOS, para receber todo atendimento social. Já, as demais não aceitaram auxílio e foram orientadas sobre os riscos da situação de permanência nas ruas. Houve, também, o recolhimento de materiais inservíveis, que foram abandonados em alguns pontos.

A Secid informa que o trabalho de abordagem social compreende ainda acolher essas pessoas individualmente, levando-as para um local apropriado, onde dispõem de alimentação, condições de higiene e de pernoite.

Para tanto, a Secid conta com o apoio da população, que pode contribuir com essas ações, encaminhando informações à GCM, pelo telefone 153, em caso da constatação de pessoas vivendo nessa situação de rua.

Leia mais  Sorocaba tem aumento de pessoas internadas em UTI Covid

Patrulhamento preventivo

Além de prestar apoio a essa operação, a GCM também realizou patrulhamento preventivo e de rotina em 77 pontos da cidade, entre áreas públicas e próprios, como escolas, praças e Unidades Básicas de Saúde (UBSs). (Da Redação, com informações da Secom Sorocaba)

Comentários