Sorocaba e Região

Novo viaduto na zona norte custará R$ 23 milhões

Dispositivo ligará as avenidas Ulysses Guimarães e Edward Fru-Fru Marciano; obras devem iniciar em outubro
Novo viaduto na zona norte custará R$ 23 mi
Reprodução do projeto a ser executado no local. Crédito da foto: Reprodução

As obras do viaduto que ligará as avenidas Ulysses Guimarães e Edward Fru-Fru Marciano, na zona norte de Sorocaba, devem ser iniciadas até o mês de outubro deste ano. A informação é do secretário de Mobilidade e Acessibilidade, Luiz Alberto Fioravante, que também é presidente da Urbes, a empresa que gerencia o trânsito e o transporte de Sorocaba. A obra terá custo total superior a R$ 23 milhões e a estimativa é de que ela seja concluída em 12 meses.

De acordo com Fioravante, em entrevista ao Cruzeiro do Sul, a empresa vencedora ainda não foi escolhida. “Gostaria que esse processo licitatório terminasse o mais rápido possível para a gente assinar o contrato com a vencedora, de todas que estão concorrendo. Acredito que a gente comece essa obra até setembro, outubro”, diz o secretário. “Você terá a melhoria total no fluxo da Ulysses com a Fru Fru, porque você não terá pontos de parada. Praticamente teremos ela liberada”, argumenta sobre a obra.

Leia mais  Em Votorantim, Cachoeira da Chave permanece abandonada após obras

Ainda conforme o secretário, com o viaduto, o sentido da rua Atanázio Soares também sofrerá mudanças. De acordo com ele, o motorista que estiver na via terá a opção de seguir por ela ou pegar a Itavuvu, para seguir para o sentido centro ou acessar a Ulysses Guimarães. “Vai resolver aquele problema de congestionamento, ali”, garante. Há possibilidade de novos trechos da via ter mão única.

Novo viaduto na zona norte custará R$ 23 mi
Cruzamento é um dos mais movimentos da região, com tráfego diário de cerca de 30 mil veículos. Crédito da foto: Fábio Rogério

A obra deverá beneficiar um dos cruzamentos mais movimentos da zona norte, com tráfego diário de cerca de 30 mil veículos. “Pelo número de veículos você tem a necessidade de ter uma passagem melhor. O viaduto é exatamente isso, essa passagem melhor. Vai deixar a Itavuvu livre e quem estiver na Fru-Fru vai passar direto”, diz. O secretário pondera e afirma que com o BRT o número de veículos trafegando pelo local poderá reduzir. “Vai diminuir porque muita gente vai preferir o equipamento BRT”, projeta.

“Essa é uma das obras mais importantes do plano de mobilidade do atual governo”, diz Fioravante. “É um obra com um rigor construtivo muito técnico”. Ainda conforme ele, a fiscalização da obra, em virtude do seu financiamento, terá nível internacional. “É uma obra que precisa ter uma construtora de padrão internacional”, comenta.

Leia mais  Projeto de prevenção do uso de álcool para menores de 18 anos será lançado em Sorocaba

Desapropriações

Novo viaduto na zona norte custará R$ 23 mi
Secretário Luiz Fioravante. Crédito da foto: Fábio Rogério

Fioravante também garantiu que todo o processo de desapropriação para a implantação do viaduto já foi concluído. “Todas as desapropriações já foram realizadas”. O secretário lembra que os valores que estão sendo propostos para os proprietários são parecidos com o que é praticado no mercado, o que favoreceu a realização rápida do processo. A última dessas desapropriações foi publicada no Jornal do Município de 24 junho. Trata-se de um imóvel localizado na Ulysses Guimarães, com pouco mais de 180 metros quadrados. No total, foram 10 desapropriações, no valor estimado total de R$ 3.370.000,00.

A obra terá um custo total de R$ 23,492 milhões , conforme o orçamento estimativo do processo licitatório. A previsão é de que ela dure 12 meses a partir de quando os trabalhos forem iniciados. O investimento vem de programas de financiamento junto à Corporação Andina de Fomento (CAF), atual Banco de Desenvolvimento da América Latina, com contrapartida legal do município. Dentro do processo licitatório, cuja sessão de apresentação de propostas ocorreu em maio, há um recurso que está sendo julgado. (Marcel Scinocca)

Comentários

CLASSICRUZEIRO