Sorocaba e Região

Nova torre vai viabilizar internacionalização do aeroporto de Sorocaba

Previsão é que a partir de março processo seja efetivado; aeroporto pode receber voos regionais
Nova torre vai viabilizar internacionalização
Autoridades que participaram da solenidade foram conhecer o funcionamento do dispositivo. Crédito da foto: Emidio Marques (10/12/2019)

A torre de controle e o sistema de vigilância eletrônica do Aeroporto Estadual de Sorocaba “Bertram Luiz Leupolz” foram entregues oficialmente na manhã desta terça-feira (10) durante uma solenidade que contou com a participação de dezenas de autoridades. De acordo com o diretor superintendente do Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp), Antônio Claret, a torre de controle, embora já esteja concluída e devidamente equipada, deve começar a operar em janeiro do ano que vem, após a conclusão do processo de homologação junto à Força Aérea Brasileira.

Claret também destacou que a conclusão das obras do dispositivo, fundamental para a realização de voos mais seguros, é mais um passo em busca da internacionalização do aeroporto e deve ocorrer até março do ano que vem. “Essa internacionalização, no que diz respeito ao polo de manutenção que o aeroporto de Sorocaba já é, trará ainda mais desenvolvimento econômico e turístico para a região e também para o Estado”, declarou.

O secretário estadual de Logística e Transporte, João Octaviano Machado Neto, informou que o processo de internacionalização vem avançando “a passos largos” e atualmente encontra-se na fase de elaboração de relatório que deve ser entregue à Polícia Federal. “A internacionalização para a manutenção de aeronaves resultará também na ampliação de oferta de voos comerciais em todo o país”, destacou o secretário.

De acordo com Claret, o aeroporto de Sorocaba ocupa o topo do ranking em movimentação de aeronaves, deixando para trás outros 20 aeroportos administrados pelo Daesp. “No acumulado de 2019, o aeroporto já recebeu 29.508 operações, entre pousos e decolagens.” Atualmente o local também conta com obras de construção de um reforço estrutural em concreto do muro patrimonial do aeroporto, com custo de R$ 525 mil.

Ronei Saggioro Glanzmann, titular da Secretaria Nacional de Aviação Civil, também esteve na solenidade e lembrou que a localização do aeroporto sorocabano é estratégica já que o local é um dos poucos polos de manutenção de alto nível na América Latina. Glanzmann destacou que a implantação da torre de controle foi dividida em duas etapas, sendo a primeira delas a construção da infraestrutura do prédio, finalizado em 2017, ao custo de R$ 13,8 milhões, vindos do Tesouro do Estado.

Leia mais  Sorocaba contribui para estudos científicos com monitoramento de meteoros

Já a segunda etapa da obra, entregue ontem, demandou investimento de R$ 7,6 milhões para a instalação de equipamentos de navegação como rádio VHF, central de áudio, sistema meteorológico e sistema indicador de rampa de aproximação. “Com uma união do Estado e do Governo Federal foi possível viabilizar a implantação desse sistema moderno, que torna as operações mais seguras”, disse.

Sobre a central de monitoramento do aeroporto, que deve operar de forma contínua, o secretário estadual informou que tal modernização terá um custo de R$ 29 mil por mês. O sistema conta com circuito fechado de TV com 16 câmeras.

Desestatização do aeroporto

Nova torre vai viabilizar internacionalização
Torre de controle e sistema de vigilância foram oficialmente entregues ontem. Crédito da foto: Emidio Marques (10/12/2019)

O processo de desestatização, ou privatização, dos aeroportos paulistas, de acordo com Claret e Neto, tem sido uma prioridade da gestão estadual. “Iniciamos um trabalho para ampliar a capacidade dos aeroportos e atrair novos voos regionais. O aeroporto de Sorocaba faz parte desse planejamento de desestatização que deve atrair novos investimentos”, disse o diretor do Daesp. Segundo ele, o processo de desestatização deve ocorrer no primeiro trimestre de 2020.

Segundo Neto, o aeroporto de Sorocaba tem capacidade e deve começar a operar “em breve” voos regionais, com aeronaves menores. Ele informou que no aeroporto local deve ocorrer o mesmo que já está acontecendo nas unidades de Franca e Barretos. As operações, iniciadas em outubro, são comandadas pela Gol Linhas Aéreas em parceria com a empresa Two Flex. “Dessa forma é possível ampliar o número de voos entre os municípios, criando conexões e facilitando o desenvolvimento regional”, pontuou.

Leia mais  Carnaval: fiscalizações dispersam aglomerações e festas clandestinas

Comemoração

Também participaram da solenidade vários secretários municipais, os deputados estaduais Castello Branco e Maria Lúcia Amary, além de autoridades da Força Aérea. A prefeita de Sorocaba Jaqueline Coutinho comemorou a inauguração da torre de controle e lembrou que a instalação do dispositivo é uma demanda antiga da cidade. “O aeroporto de Sorocaba é de extrema importância e atualmente emprega 1.200 pessoas, conta com 48 hangares e 18 oficinas, então qualquer melhoria é um passo rumo à sua potencialização”, finalizou a chefe do Executivo sorocabano.

Lippi destaca prioridade do projeto

Desde 2016, o deputado federal Vitor Lippi (PSDB) se empenhou com inúmeras gestões junto aos órgãos do governo para que a Torre de Controle do aeroporto de Sorocaba se tornasse realidade com a inauguração de ontem. Foram mais de trinta reuniões com a participação do deputado e nas quais o aeroporto esteve na pauta das discussões como prioridade. Agora, segundo sua assessoria, o deputado informa que vai lutar pela internacionalização do aeroporto.

Leia mais  Aumenta número de recuperados da Covid em Sorocaba, diz a SES

Essa bandeira de ação é oportunidade, na visão de Lippi, porque ao mesmo tempo existem gestões para que o aeroporto a ser internacionalizado seja o que está prestes a ser inaugurado em São Roque, na altura do km 62 da rodovia Castelo Branco. Se isso acontecer, oficinas de aviões localizadas no complexo do aeroporto de Sorocaba poderiam se transferir para São Roque, o que geraria um prejuízo de 2 mil empregos diretos e indiretos para Sorocaba.

Nesse contexto, segundo sua assessoria, Lippi também falou sobre a Torre de Controle do aeroporto de Sorocaba inaugurada ontem: “Esse equipamento é mais um avanço para a internacionalização do aeroporto de Sorocaba, é fundamental para a sua internacionalização.” (Da Redação)

Comentários