Buscar no Cruzeiro

Buscar

Educação

Escolas aplicam avaliações do Saeb até dia 6 de dezembro

26 de Novembro de 2021 às 00:01
Virginia Kleinhappel Valio [email protected]
(Crédito: Rovena Rosa / Agência Brasil)

Começou na segunda-feira (22), nas escolas estaduais, municipais e particulares, a aplicação das avaliações do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). Ela deve ser realizada até 6 de dezembro, conforme agendamento prévio realizado pela Fundação Cesgranrio com cada unidade escolar.

O Saeb é uma avaliação nacional realizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) que contribui na elaboração e aprimoramento de políticas educacionais, além de fortalecer ações pedagógicas para a garantia da aprendizagem e compor o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Segundo a supervisora de ensino da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, Ana Paula Zacardi, o Saeb avalia conhecimentos nos componentes de Língua Portuguesa e Matemática para diagnosticar a qualidade da educação oferecida pelas escolas e as redes de ensino de todo o Brasil. “Teremos também uma amostragem de avaliação de ciências da natureza e humanas”, conta.

Podem participar do Saeb os estudantes do 5º e 9º anos do ensino fundamental e da 3ª série do ensino médio. O exame é aplicado a cada dois anos na rede pública e em uma amostra da rede privada. A duração da aplicação regular é de 2h30 e com tempo adicional para alunos com deficiência ou transtorno. A prova terá questões objetivas e um questionário socioeconômico.

A partir dos resultados da avaliação, é gerado o Ideb, que varia de 0 a 10, considerando a taxa de fluxo escolar (aprovação) e as médias de desempenho no Saeb. “Para que as escolas tenham os resultados publicados no Ideb, é necessário que pelo menos 80% dos alunos, declarados no Censo de Educação Básica 2021, realizem a prova. Atualmente, somando os três anos envolvidos na avaliação, são mais de 800 mil estudantes matriculados na rede de todo o Estado de São Paulo” finaliza.

Na última versão do Saeb, em 2019, a rede estadual de São Paulo cresceu em todas as etapas do Ideb, liderando nacionalmente entre os anos iniciais, com 6,7 pontos, e anos finais, com 5,5. O desempenho do ensino médio foi de 3,8 em 2017, para 4,3, em 2019. (Virgínia Kleinhappel Valio)