Buscar no Cruzeiro

Buscar

Superlua

Alunos de escola estadual em Sorocaba registram superlua

Lua cheia pôde ser vista cerca de 6% maior em relação a comum na noite desta terça-feira (27)

28 de Abril de 2021 às 11:48
Jomar Bellini [email protected]
Morador registrou 'super lua' na noite desta terça-feira (27)
Morador registrou 'super lua' na noite desta terça-feira (27) (Crédito: Cortesia / Erik Armando de Queiroz)

A superlua que chamou a atenção na noite desta terça-feira (27) foi registrada em fotos por estudantes de uma escola estadual em Sorocaba. A Lua Cheia próxima do perigeu fica maior em relação a lua comum e por isso é popularmente chamada de "superlua". Essa foi a primeira registrada em 2021.

Segundo o Observatório Dietrich Schiel, do Centro de Divulgação Científica e Cultural (CDC) da Universidade de São Paulo (USP), o astro podia ser visto a partir das 19h30 no Brasil. A Lua Cheia próxima ao perigeu ocorre quando a Lua entra na fase cheia e, ao mesmo tempo, se encontra próxima ao ponto de sua órbita que a coloca mais próxima da Terra, ponto esse chamado de perigeu.

"Como nessa situação a Lua fica apenas cerca de 6% maior em relação a uma Lua Cheia comum, o termo superlua, usado nessas ocasiões, pode ser enganador. Mas sendo super ou não, a experiência da observação da Lua, especialmente através do telescópio é empolgante e merece ser vivenciada sempre que possível", afirma o Observatório.

Mas, em Sorocaba, os estudantes da escola estadual Professora Altamir Gonçalves, que fica no Jardim Magnólia, conseguiram registrar o fenômeno usando o celular e câmeras de foto. O desafio foi lançado em grupos de alunos no whatsapp pelo professor de Geografia e Tecnologia e Inovação, Erik Armando de Queiroz, que mora em Salto de Pirapora.

Ele participa do programa de ensino integral e vai trabalhar as fotos na disciplina eletiva de Astronomia e Astronáutica. "Foi um desafio muito legal, com cerca de 50 estudantes. Agitou todos os grupos. Muitos alunos e até professores postaram as fotos feita por eles", comenta.

Quem perdeu a superlua ao vivo, pode conferir pela internet. A aparição foi transmitida e comentada em uma live no Facebook do Observatório Dietrich Schiel.

Galeria

Confira a galeria de fotos