Sorocaba e Região

Movimentação de fim de ano é grande na Rodoviária de Sorocaba

Cerca de 26 mil passageiros de ônibus devem passar pela cidade até 2 de janeiro. Destinos mais procurados têm carros extras
Rodoviária de Sorocaba tem grande movimento neste final de ano. Crédito da Foto: Erick Pinheiro
São Paulo, litoral sul e Rio de Janeiro são os destinos mais procurados pelos viajantes deste Ano Novo. Crédito da Foto: Erick Pinheiro

O tratorista Carlos Alberto Franco, 35, tomou seu ônibus em Jacarezinho, no Paraná, às 19h de quinta-feira (27) com direção a Sorocaba. Sem pregar os olhos, chegou na cidade na madrugada para encontrar a filha Caroline Cristine Franco, 11 anos, que veio de Boituva, onde mora. Agora com a “herdeira”, como descreve aos risos, embarcou em mais um ônibus para seguir rumo ao Sul do País. Franco garantiu que a “jornada” valerá a pena, tudo para poder começar 2019 ao lado de Caroline. Os dois estão entre os cerca de 26 mil que devem passar pela Rodoviária de Sorocaba até 2 de janeiro.

Leia mais  Urbes vai administrar a rodoviária de Sorocaba a partir de janeiro

 

“É um sacrifício que não tem preço. Eu gosto de fazer de tudo para agradar ela”, resume o tratorista, que carrega um sorriso de orelha a orelha pela possibilidade de celebrar a “virada” com Caroline. A felicidade é ainda maior pois, via de regra, eles veem um ao outro apenas três vezes por ano. Jacarezinho, é verdade, não é um dos destinos mais procurados para as viagens de fim de ano. De acordo com o gerente operacional da rodoviária de Sorocaba, Osório Vieira, o primeiro lugar da lista é São Paulo, onde os viajantes se espalham para outros cantos. Também estão na lista de destinos cobiçados o Litoral Sul e o Rio de Janeiro.

Apesar do movimento considerável, Vieira diz que a rodoviária costuma lotar mais no Natal. “Mas, quem ainda não comprou passagens, recomendo que compre de ida e volta”, comenta. Em caso de não encontrar os bilhetes, o gerente operacional pede paciência. “Não precisa desistir. Basta ligar vez ou outra na rodoviária para ver se não abriu algum carro extra”, afirma. Para o revéillon, serão aproximadamente 200 carros extras.

Aos responsáveis por crianças de 0 a 11 anos, Vieira avisa sobre a necessidade de apresentarem um documento original da criança e também a certidão de nascimento original (ou cópia autenticada em cartório). “E uma coisa que poucos sabem é que crianças de 12 anos podem viajar sozinhas se tiverem com o RG original.”

‘Virada’ tranquila’

Acompanhada da irmã Vera Lucia Santos Silva, 60, a aposentada Vandiva Santos Silva, 65, aguardava o ônibus para embarcar a São Paulo. Moradora da Capital há 45 anos, ela tinha na ponta da língua os planos para a transição 2018-2019. “Vou passar debaixo dos lençóis, descansando”, conta ela, que passou o Natal em Sorocaba, onde Vera mora. A tranquilidade também deve ser o caminho adotado pela estudante de odontologia Stefania Thomasetto, 19. A jovem seguia para Capão Bonito, município em que vive a família. “Não dava para ficar sozinha aqui (em pleno Ano Novo)”, diz.

Nas rodovias

Durante a Operação Ano Novo, entre esta sexta-feira e a próxima terça-feira (1º de janeiro), a CCR ViaOeste e Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado (Artesp) estimam que 564 mil veículos trafeguem pelas rodovias do Sistema Castello-Raposo em deslocamento típico de feriado. Haverá monitoramento por 78 câmeras ligadas ao Centro de Controle Operacional (CCO) da concessionária, feito pela Artesp e Polícia Militar Rodoviária. A fiscalização é 24h. Para acompanhar as condições de tráfego em tempo real, acesse viaoeste.com.br.

Comentários