Sorocaba e Região

Menina realiza sonho e ganha autógrafo de astronauta em Sorocaba

Sophie Louise Carvalho, de 9 anos, sonha em alcançar a mesma profissão de Marcos Pontes
Marcos Pontes autografa uma nave espacial de brinquedo de Sophie Louise Carvalho. Crédito da foto: Emídio Marques

O espaço em que Marcos Pontes palestrou no Parque Tecnológico de Sorocaba, nesta terça-feira (11), estava completamente lotado. Muita gente demonstrou interesse por ouvir as palavras do astronauta brasileiro. Mas, para uma menina em especial, a manhã foi um dos grandes dias da vida, daqueles que dificilmente vão sair da memória tão cedo.

Acompanhada dos pais, a pequena Sophie Louise Carvalho, de 9 anos, é fissurada em robótica, tecnologias e sonha em alcançar a mesma profissão de Pontes. Neste ano, segundo a mãe, Leslie Carvalho, 41, a filha teve finalmente a oportunidade de conhecer a Nasa, nos Estados Unidos.

 

Leslie contou que ela e o marido vão com a filha à Flórida para visitar os parques temáticos da Disney há algum tempo. Desde a primeira vez, Sophie vinha querendo deixar de lado Minnie e Mickey para conhecer o que de fato é o espaço dos sonhos dela, a Nasa.

“Esse ano ela insistiu muito e fomos. A gente ficava com medo de levar e ela não entender por causa de o inglês ser mais avançado, mas ela conseguiu entender tudo”, orgulhou-se a mãe. Um dos momentos de mais emoção, disse Leslie, foi quando a garota viu a foto de Marcos Pontes no hall dos heróis da agência espacial americana. “Ela chorou, para você ter uma ideia”, lembrou.

Para coroar o dia inesquecível na vida de Sophie, a menina conseguiu, antes da palestra, conversar rapidamente com o astronauta e ganhou um autógrafo em um foguete que comprou na viagem deste ano. “Quem sabe ela não vai ser a segunda astronauta brasileira a ir para o espaço”, ambicionou a mãe.

Leslie contou, ainda, cheia de admiração, que a filha faz um curso de robótica há três anos e tem evoluído cada vez mais. “Ela está na quarta série, e a professora colocou ela junto da turma do 6º ao 9º ano porque está avançada”, comentou, sobre a jovem que, logo aos três anos de idade, ganhou um telescópio de brinquedo, mas não ficou satisfeita pois já queria um equipamento de verdade. (Esdras Felipe Pereira)

Comentários