Sorocaba e Região

Locomotiva de 1948 é restaurada e apresentada em Sorocaba

Após a reforma, a Westinghouse 2041 retornou à configuração original da Estrada de Ferro Sorocabana
Após a restauração, a locomotiva voltou a sua configuração original . Crédito da foto: Divulgação

A Sorocabana – Movimento de Preservação Ferroviária e a Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Sorocaba (AEAS) inauguraram no último sábado (9) a restauração da Locomotiva Elétrica Westinghouse 2041, da Estada de Ferro Sorocabana. O evento aconteceu na Estação Paula Souza, em Sorocaba.

A restauração da locomotiva é uma homenagem aos 75 anos da tração elétrica da EFS em seu Jubileu de Brilhante. Durante os últimos seis meses, o equipamento foi reformado por voluntários da entidade com patrocínio da AEAS.

O evento contou com a presença do presidente da Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Sorocaba, José Carlos Carneiro; o presidente da Sorocabana – Movimento de Preservação Ferroviária, Eric Mantuan; o secretário de Mobilidade e presidente da Urbes, Luiz Alberto Fioravante, representando o prefeito de Sorocaba, José Crespo; o coordenador de Relações Governamentais da Rumo Logística em São Paulo, Marcelo Rodrigues; vereador Luis Santos (Pros), representando a Câmara Municipal de Sorocaba; além de ex-ferroviários.

Para que a locomotiva pudesse retomar à configuração original da EF Sorocabana, foram executados os seguintes serviços: construção dos faróis de foco único conforme os originais, dos içadores de engate conforme os originais, dos pega-mãos das portas frontais conforme os originais e dos suportes frontais das torneiras de ar comprimido conforme as originais. Também foram realizadas a reconstrução dos degraus de acesso às portas frontais; a reversão dos encanamentos de ar comprimido frontais para a versão original; a instalação de numberboards novos; a substituição dos vidros; a recuperação interna das cabines (forração, painéis, controles e poltronas) e dos pantógrafos tipo balão, além da recuperação externa e pintura.

A pintura representa uma locomotiva já adequada para tração múltipla, com numeração revertida para a original (EFS 2041, posteriormente Fepasa 2061, após 1972) e convertida para trabalhar somente com freio a ar comprimido (“bigode” branco), no último layout da Sorocabana (anos 1960).

A locomotiva será apresentada ao público no final deste mês, em data a ser divulgada, e ficará disponível para visitação.

Locomotiva Elétrica Westinghouse 2041 foi fabricada em 1948. Crédito da foto: Divulgação

Histórico da locomotiva

A Locomotiva Elétrica Westinghouse 2041 da Estrada de Ferro Sorocabana é uma das pioneiras da eletrificação da ferrovia e foi fabricada em 1948, nos Estados Unidos, com equipamento elétrico Westinghouse e componentes mecânicos produzidos pela General Electric.

Entre 1943 e 1948, a EFS adquiriu 46 locomotivas elétricas junto ao Electrical Export Corporation, consórcio que reunia a General Electric International e a Westinghouse Electric Company, objetivando eletrificar sua malha ferroviária entre São Paulo (Júlio Prestes) e Bernardino de Campos. Surgiam ali as famosas locomotivas Série 2000 — que foram, a seu tempo, as mais possantes locomoti

Comentários

CLASSICRUZEIRO