Covid-19 Sorocaba e Região

Itapetininga terá ‘barreira sanitária’ para fiscalizar motoristas

A ação será montada, simultaneamente, nas três principais entradas da cidade
Itapetininga terá 'barreira sanitária' para fiscalizar motoristas
Profissional da saúde segura um termômetro para medição da temperatura corporal. Crédito da foto: Eduardo Soteras / AFP (17/3/2020)

A Prefeitura de Itapetininga fará barreiras sanitárias nas três principais entradas da cidade. O objetivo será verificar as temperaturas corporais dos motoristas que chegarem ao município.

As barreiras sanitárias serão realizadas entre quinta-feira (21) e sábado (23). A ação será montada, simultaneamente, nas avenidas Sarutayá, Ciro de Albuquerque e Cinco de Novembro, principais acessos ao município.

A medida de bloqueio implementada em Itapetininga não é a única entre as cidades da Região Metropolitana de Sorocaba. Cerquilho, Ibiúna e Itu também anunciaram a implantação de barreiras sanitárias.

Rastreamento clínico

Segundo o governo de Itapetininga, os agentes identificados vão solicitar a parada de veículos. Uma unidade móvel de saúde irá realizar o rastreamento clínico, incluindo aferição de temperatura corporal de motoristas e passageiros.

A operação será realizada pela Prefeitura de Itapetininga. A ação vai envolver a Guarda Civil Municipal, Polícia Militar, Polícia Militar Rodoviária e equipes de trânsito e saúde.

Todos os ocupantes de carros com placas de outros municípios passarão por uma aferição de temperatura. Também responderão algumas perguntas sobre o estado clínico. Caso algum sintoma da Covid-19 seja identificado, os ocupantes serão encaminhados ao Hospital de Campanha.

Antecipação de feriados

A medida ocorre por conta da antecipação de feriados na capital paulista. O objetivo é monitorar a chegada ao município de pessoas de outras localidades, uma vez que a recomendação das autoridades de saúde é para manter o isolamento social.

 

A antecipação dos feriados de Corpus Christi (11 de junho) e da Consciência Negra (20 de novembro) vale para a Capital, após projeto sancionado pelo prefeito Bruno Covas. Em todo o Estado, há a intenção de se adiantar o feriado estadual da Revolução Constitucionalista (9 de julho) para a próxima segunda-feira (25).

“Essa ação conjunta com nossas forças de segurança é importante para monitorarmos uma possível entrada da Covid em Itapetininga. Sabemos que, infelizmente, muitas pessoas aproveitam o feriado prolongado e se deslocam para o interior. Estamos atentos a qualquer movimentação”, destacou a prefeita Simone Marquetto. (Da Redação, com informações da Prefeitura de Itapetininga)

Comentários