Informação Livre

Haja coração

E justamente num período que antecede mais um ano em que as forças políticas voltarão a disputar campanhas eleitorais

As decisões de impacto na Câmara de Sorocaba, como nesta quarta-feira (10) na votação que decide o futuro da vice-prefeita Jaqueline Coutinho, mobilizam grandes movimentações de última hora entre os atores — entenda-se, vereadores e dirigentes partidários — em torno das possibilidades para os acontecimentos na hora de uma votação que marca os rumos da história da cidade. Sobram reuniões, telefonemas, correrias contra o tempo, planos de convencimento, estratégias, indecisões. Haja coração, como dizem nas competições esportivas. Trata-se, no entanto, de um embate político. Que, seja qual for o desfecho, terá desdobramentos futuros. E justamente num período que antecede mais um ano em que as forças políticas voltarão a disputar campanhas eleitorais.

PV na Previdência

A bancada do Partido Verde, reunida para debater a Reforma da Previdência, entendeu que é chegada a hora de o Congresso Nacional decidir sobre o tema e, por isso, não orientará favoravelmente à obstrução. Quanto ao texto principal, pelas inúmeras especificidades propostas, não foi obtida maioria e a opção foi pela liberação do voto dos seus integrantes, respeitando a consciência de cada um. Decidiu, ainda, unificar posição na votação dos destaques para manutenção das regras atuais relativas à pensão por morte e ao cálculo do benefício de aposentadoria, além da retirada integral dos professores do âmbito da reforma.

Leia mais  Rapaz que deu cigarro a macaco não comparece para prestar depoimento

Homenagem aos policiais

O governador em exercício de São Paulo, Rodrigo Garcia, e o secretário da Segurança Pública, general João Camilo Pires de Campos, homenageiam, nesta quarta-feira (10), os policiais militares, civis e técnico-científicos selecionados pelo programa de valorização “Policial Nota 10”. Os profissionais escolhidos atuaram em grandes apreensões de drogas, resgates, além de prisões, inclusive de integrantes de uma organização criminosa. Também foi destacado o trabalho pericial para a resolução de um homicídio.

Indústria farmacêntica

A viagem de uma semana do governador João Doria à Inglaterra deve render mais do que a captura de recursos para o projeto de desestatizações. Após uma rodada de encontros com investidores, Doria emplacou, ontem, acordo com a Aztrazeneca, uma das maiores farmacêuticas do mundo, que deve trazer diversos benefícios ao Hospital das Clínicas de São Paulo. Além de colaborar com conhecimento científico para aprimoramento dos protocolos de tratamento no maior complexo hospitalar da América Latina, a empresa irá ceder tecnologia, estimulando a implantação de processos inovadores. Para o presidente da InvestSp, Wilson Mello, que também participou da formatação do acordo, essa iniciativa já implantada pela empresa em outros hospitais em diversas partes do mundo é uma tendência. “O futuro da área da saúde passa necessariamente pela tecnologia e inovação.”

Comentários

CLASSICRUZEIRO