Sorocaba e Região

Concessão de área para o BRT é rejeitada na Câmara de Sorocaba

A intenção era transformar o local em garagem da concessionária
O imóvel tem preço de mercado de R$ 21.386 – Foto: Emidio Marques (05/09/2018)

A Câmara dos Vereadores de Sorocaba rejeitou na sessão extraordinária desta quinta-feira (28) o projeto de lei do Executivo que tratava da concessão do direito real de uso do imóvel onde funcionou a garagem da TCS — na avenida Ipanema, zona norte da cidade. A intenção era destinar o local para o consórcio vencedor do sistema BRT.

Leia mais  Acidente envolve dois veículos na avenida Ipanema, em Sorocaba

 

De acordo com texto rejeitado, não estava previsto a concorrência com outras empresas e organizações em virtude do reconhecimento de interesse público da atuação da empresa que atuará no sistema BRT, além do fato de que o local seria usado por uma concessionária de serviço público. A intenção era transformar o local em garagem da concessionária.

Conforme informado pelo Cruzeiro do Sul, em avaliação de fevereiro de 2018, o imóvel tem preço de mercado de R$ 21.386,00. São mais de 26 mil metros quadrados de área. O local foi comprado por R$ 13,6 milhões.

Comentários