Sorocaba e Região

Casos de dengue em Sorocaba chegam a 1.657

Sorocaba vive uma epidemia de dengue desde 3 de fevereiro de 2020
Casos de dengue em Sorocaba chegam a 1.657
Funcionário faz a nebulização contra a dengue em Sorocaba. Crédito da foto: Emídio Marques (7/2/2020)

Os casos confirmados de dengue continuam subindo em Sorocaba e o total chegou a 1.657 nesta terça-feira (19). Em quatro dias foram 53 casos a mais, em relação ao boletim anterior, divulgado na sexta-feira (15).

Segundo o novo boletim, dos 1.657 casos confirmados da doença na cidade em 2020, 1.537 são autóctones, 97 importados e 23 indeterminados. No total, este ano a cidade recebeu 7.064 notificações e 5.366 foram descartadas. Porém, 61 casos ainda continuam em investigação.

Sorocaba vive uma epidemia de dengue desde 3 de fevereiro de 2020. O município registrou até o momento somente uma morte confirmada pela doença.

A cidade também registrou este ano 12 casos de chikungunya. Entretanto, até o momento não houve registros de febre amarela, de zika e nem óbitos por essas doenças.

No total, a cidade recebeu em 2020 duas notificações por febre amarela, 22 de chikungunya e 9 de zika. E em investigação há dois casos de chikungunya e seis de zika.

Além disso, já foram descartados dois casos de febre amarela, oito de chikungunya e três de zika.

Entulhos em áreas públicas

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Serviços Públicos e Obras (Serpo), fez na segunda-feira (18) a retirada de mais 48 metros cúbicos de entulhos depositados irregularmente em terrenos públicos em Aparecidinha e no Jardim Dois Corações.

Foram retirados 36 metros cúbicos da rua Tonico Monteiro e 12 metros cúbicos de entulho de uma área localizada na rua Rita de Carvalho Monteiro. Também na última sexta-feira (15) os servidores que atuam na zeladoria da cidade retiraram outros 50 metros cúbicos de restos de construção e de outros materiais inservíveis, e que se tornam potenciais criadouros do mosquito Aedes aegypti, de Aparecidinha.

Além da dengue, restos de materiais de construção são ambientes propícios à proliferação de animais peçonhentos, como os escorpiões.

Leia mais  Colisão entre motos deixa duas vítimas graves em Tietê

 

Sorocaba dispõe de um espaço licenciado para receber até 1 metro cúbico de entulho, gratuitamente. É o Aterro de Inertes, que fica na avenida General Motors, 200. Quem é flagrado cometendo a irregularidade é multado em até R$ 582,13 por metro cúbico de lixo/entulho descartado em áreas públicas.

Denúncias podem ser feitas através dos canais da ouvidoria pelo site da Prefeitura de Sorocaba, via whatsapp (15) 99129-2426 e pelo telefone 156. (Ana Cláudia Martins)

Comentários