Covid-19 Sorocaba e Região

Casamentos estão sendo adiados por conta da pandemia do coronavírus

Muitos fornecedores, como buffet, decoração, bares e espaços de eventos estão remarcando as datas sem custos aos noivos
Casamentos estão sendo adiados
Vitória e João Luiz remarcaram para o dia 4 de outubro deste ano. Festa seria em abril. Crédito da foto: Acervo Pessoal

A pandemia do Covid-19, novo coronavírus, está motivando o adiamento de muitos eventos, entre eles as festas de casamento programadas para acontecer nos próximos meses em Sorocaba. Muitos fornecedores, como buffet, decoração, bares e espaços de eventos estão remarcando as datas sem custos aos noivos.

Responsável por assessorar casais nos preparativos e no dia da festa de casamento, a cerimonialista Regiane Franco de Camargo, que atua há sete anos na área, contou que já precisou remarcar matrimônios. “Fui fazendo o acompanhamento de todas as notícias sobre o coronavírus e assim que os clientes me procuram eu busco uma solução”, contou. Regiane conta que ontem oficializou o primeiro adiamento por conta do Covid-19. “A nova data foi para o primeiro semestre de 2021.”

Agindo de maneira responsável e solidária, Regiane conta que todos os fornecedores que fez contato para confirmar o agendamento do casamento realizaram todas as alterações sem cobrança de multa. “É um momento difícil para todos, tanto para o casal, quanto para os fornecedores, mas a gente tenta confortar todo mundo. Tem muitas datas que são muito especiais, que as pessoas escolheram a dedo para comemorar o casamento, mas é preciso compreensão e todos precisam colaborar e enfrentar esse período, que é delicado, mas vai passar”, tranquilizou.

Leia mais  São Roque registra primeira morte suspeita do novo coronavírus

Com festa marcada para o dia 28 de março, Camila Stecca Stefan, sócia-proprietária do espaço de eventos Fazenda Alvorada, conta que já conseguiu adiar todos os casamentos que estavam agendados até maio. “Nós já tínhamos pensado em várias medidas de segurança caso algum casal quisesse manter a data, mas felizmente todos optaram pelo adiamento e o próximo deve acontecer somente em junho, mas está de sobreaviso. Esperamos que até lá a situação de saúde no país já esteja normalizada”, diz.

Ela conta que três festas já foram adidas e os demais casais também vão alterar a data, mas ainda estão organizando a agenda com todos os fornecedores. “Estamos conciliando as datas que temos livres neste ano e no começo do ano que vem. A gente sente que muitos casais estão frustrados, mas todos estão se ajudando sem ter que cancelar os serviços já contatados”, disse a empresária.

Leia mais  Prefeitura fará reunião com líderes de igrejas em Sorocaba

Camila destaca também que muitos fornecedores estão se unindo para buscar soluções e garantir que as festas aconteçam da melhor maneira possível. “Alguns fotógrafos estão cobrindo outros por conta de datas que batem, a gente está em contato com outros espaços para se disponibilizar caso precise realocar o casamento. Esse momento é muito triste, mas também está colocando à prova a solidariedade e a empatia das pessoas”, acrescentou.

Seis meses

Há mais de um ano planejando o grande dia, que aconteceria em 10 de abril, Vitória Melo Ribeiro, 26, e João Luiz Perez Novaes, 26, precisaram adiar a festa em seis meses. A nova data já foi definida e a festa, marcada para ocorrer em um sítio em Mairinque, na Região Metropolitana de Sorocaba (RMS), ficou para o dia 4 de outubro, ainda neste ano.

Leia mais  Agências da Caixa terão horário reduzido devido ao coronavírus

Ela conta que a decisão foi tomada em conjunto com os fornecedores, mas alguns prejuízos são inevitáveis. “Nenhum fornecedor da festa cobrou pela mudança da data, mas o cartório ainda não mudou o protocolo e só aceitou remarcar para maio. Eu contatei só a mão de obra do buffet, então os alimentos que tinha comprado para a festa também não terá como reaproveitar”, contou a noiva.

Sobre a lua de mel, que terá como destino Cancún, na México, Vitória conta que já conseguiu remarcar as passagens, mas teve uma despesa de aproximadamente R$ 1.500, com a alteração. O aviso aos convidados já foi enviado. “Estamos ansiosos para comemorar nosso grande dia, mas com responsabilidade e saúde. Por isso, decidimos adiar a data para todos aproveitarem sem medo a nossa festa”, disseram os noivos em um trecho do comunicado disponibilizado aos amigos e familiares. (Larissa Pessoa)

Comentários