Sorocaba e Região

Aerofest reúne 50 mil pessoas no Parque do Paço

A atração mais aguardada foi a apresentação de acrobacias dos pilotos e aeronaves da Esquadrilha da Fumaça
As atividades iniciaram ainda pela manhã, às 11h. Foto: Fernando Abreu / Secom

 

Aproximadamente 50 mil pessoas participaram neste domingo (21) do Aerofest, no Parque do Paço, segundo avaliação de público calculada pela Polícia Militar. Famílias inteiras de Sorocaba e outras cidades da região concentraram-se no local para prestigiar as atrações. A mais aguardada e aplaudida de todas foram as acrobacias dos pilotos e aeronaves da Esquadrilha da Fumaça, da Força Aérea Brasileira.

As atividades iniciaram ainda pela manhã, às 11h,. Foto: Fernando Abreu / Secom

As atividades iniciaram ainda pela manhã, às 11h, e enquanto aguardava o espetáculo aéreo, o público dividiu-se entre as muitas atrações oficiais dispostas no parque. Helicóptero da Polícia Militar, viaturas do Corpo de Bombeiros, do Samu, da Guarda Civil Municipal, da Defesa Civil e da Polícia Militar foram disputadas com filas pelo público interessado em guardar com fotos a memória do evento. Aproveitando-se do horário do almoço, fizeram piquenique sob a sombra das árvores no entorno do estacionamento e do lago. O playground também garantiu alegria das crianças.

Outra atração gratuita foi uma cabine fotográfica com uma turbina de vento lançado contra o rosto do fotografado. Todos os que entraram na cabine colocaram o par de óculos de proteção e, com o cenário ao fundo e o ar no rosto, a imagem registrada é como se estivessem no céu, com cabelos esvoaçantes e formatos da boca e rosto alterados pelo vento. Quase 500 pessoas levaram as suas fotos impressas e sem custo algum para mostrar aos familiares e amigos.

Simultaneamente a tudo isso, teve balonismo, aeromodelismo, exposição de veículos antigos, e espetáculos culturais com apresentações do Grupo Taikô (União Cultural Esportiva Nipo-Brasileira de Sorocaba – UCENS), da banda Etios (Toyota), da Orquestra de Viola Zé Franco e Banda Strip n’Shout. Também foi oferecida orientações e testes de saúde à população presente, com realização de 450 testes de Hepatite e 350 de taxa de açúcar no sangue (glicemia para verificação de possível diabetes).

Transporte

A Urbes – Trânsito e Transportes disponibilizou ônibus partindo a cada dez minutos para ir e voltar ao Paço, promoveu a interdição em alguns espaços para garantir a segurança do público no evento e  distribuiu agentes de trânsito por todas as imediações.

Lazer

Na cabine fotográfica de vento — mãe e filho, moradores do Ibiti Royal — Leonardo de Lima, 18 anos, estudante e Jane de Fátima Lima, 50 anos, do lar, participaram do “Aerofest”, na tarde de hoje e estavam empolgados. “Vim no ano passado e trouxe a minha mãe desta vez porque achei muito legal, comenta Leonardo. “Fiquei surpreso com a cabine de vento e que nos permitiu as fotos gratuitamente, vou mostrar a fotos para muitos amigos”, ressalta.

Já a família Oliveira chegou cedo e ficou próximo do palco. Bruna Mendes Oliveira, 38 anos, dona de casa, e seu esposo Ademir Pereira dos Santos, 41 anos, comerciante e os filhos, Nicole, 13 anos, Sophia, 7 anos e Julia Eduarda, 11 anos, prestigiaram o evento em família. “Muito importante um evento como este, junto da família, com balões, música e a polícia cuidando da segurança”, comenta Bruna.

Ana Paula Salvani Vasconcelos, 40 anos, escrevente, veio junto do filho, Gabriel de Vasconcelos, 7 anos, estudante. “Estou achando ótimo o evento com a esquadrilha da fumaça e é a segunda vez que venho prestigiar este evento em menos de um ano”, comenta Ana Paula.

As atividades iniciaram ainda pela manhã, às 11h. Foto: Fernando Abreu / Secom

 

Empolgados com as acrobacias das aeronaves, Marcelo Ribeiro, 24 anos, técnico de edificações e Tais Aparecida Cardoso, 39 anos e as crianças, Enzo, 10 anos, Lavínia, 11 anos, adoraram o evento. “Feliz por estar aqui e dou os meus parabéns a Prefeitura”, comenta Marcelo.

Já Kátia Fernandes, 37 anos, operadora de produção, foi acompanhada dos sobrinhos Isabela Arruda, 13 anos e Caue Arruda, 7 anos. “Estou encantada com tudo isto!”, comenta Kátia. “Cada pirueta do avião e um friozinho da barriga, muito empolgante”, ressalta.

Dona Maria Olinda, 54 anos, diarista e os Ismael Strober, 46 anos, eletricista, trouxeram a neta Isadora, 6 anos e o primo Mário Celso de Melo, 54 anos, mecânico. “Sorocaba merece eventos como o de hoje, estamos maravilhados com a esquadrilha”, comenta Maria Olinda. (Com informações da Secom)

Comentários

CLASSICRUZEIRO