Sorocaba e Região

Ademar Adade, ex-secretário da Fadi, morre no Guarujá

O advogado atuou durante décadas na Faculdade de Direito (Fadi) de Sorocaba
Ademar Adade, ex-secretário da Fadi, morre no Guarujá
Ademar Adade trabalhou durante décadas na Fadi de Sorocaba. Crédito da foto: Reprodução / Facebook

O advogado Ademar Adade faleceu nesta sexta-feira (7) no Guarujá, litoral de São Paulo. Ele atuou durante décadas na Faculdade de Direito (Fadi) de Sorocaba.

Ademar morreu aos 86 anos de idade. Ele era viúvo e deixou os filhos Cristiane e Maurício.

O corpo de Adade será velado na Ossel da Vila Assis, provavelmente na manhã de sábado (8). No mesmo dia, Adade será sepultado às 14 horas no cemitério da Saudade, em Sorocaba.

Na Fadi, Adade foi o segundo secretário da entidade. Ele exerceu o cargo até 2005. Também foi conselheiro da Fundação Educacional Sorocabana, mantenedora da Faculdade de Direito, até o ano passado.

Rádio

Ademar Adade também foi radialista, tendo desempenhado as funções de locutor, programador, repórter de campo, ator de radionovelas e noticiarista. Teve parte da sua carreira ligada à extinta Rádio Clube — AM 1080 (hoje Rede Boa Nova).  (Da Redação)

Comentários