Sorocaba e Região

Terceiro envolvido em roubos a motoristas de aplicativos é preso

Segundo a Polícia, ele estava foragido desde abril
Foto: Divulgação

*Atualizada

A Polícia Civil de Sorocaba informou que prendeu nesta quinta-feira (08) um terceiro membro de uma quadrilha acusada de roubar motoristas de aplicativos de transporte, que estava foragido desde abril. Conhecido como “Cara Queimada”, ele era o que agia com mais violência nos ataques, segundo a Polícia. Os outros dois membros da quadrilha foram presos em abril.

De acordo com a investigação, feita por policiais do 4º/9° DP, com apoio do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), eles costumavam acionar motoristas por meio do aplicativo e anunciavam o assalto. As vítimas também eram agredidas durante o roubo, conforme a Polícia. Dos três homens identificados como sendo do grupo, apenas esse, conhecido por Cara Queimada, seguia foragido.

A apresentação do caso, de forma mais detalhada, deverá ocorrer segunda-feira, numa coletiva de imprensa. No entanto, na divulgação do modus-operandi em abril, quando dois homens foram presos, o delegado André Moron já havia informado que os criminosos agiam desde outubro do ano passado, e teriam feito ao menos 20 vítimas.

Segundo o delegado, o grupo atuava no entorno de casas noturnas na região central e no Jardim Iguatemi. Eles esperavam na porta dos estabelecimentos, sempre à noite ou de madrugada e quando viam pessoas desembarcando dos carros abordavam os motoristas e falavam que tinham interesse em fazer uma corrida, prometendo acionar o aplicativo no trajeto. Porém, após alguns minutos do início da viagem, o assalto era anunciado. Uma das vítimas, por conta de socos dados pelos bandidos, perdeu a visão.

Comentários

Sobre o Autor

Online