Sorocaba e Região

Mutirão da Mamografia é encerrado nesta quinta-feira (08) em Sorocaba

Local atende as mulheres desde a segunda quinzena de outubro e oferece 50 exames por dia
Mutirão da Mamografia acaba hoje
As senhas para a unidade móvel são distribuídas a partir das 9h, mas a fila se forma às 5h. Crédito da foto: Emidio Marques

Termina nesta quinta-feira (08) o mutirão de mamografias para mulheres que não têm convênio médico e precisam ser assistidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O serviço, realizado pelo projeto Mulheres de Peito e que ocorre desde a segunda quinzena de outubro numa parceria com a Secretaria de Saúde do Estado, com a pasta municipal e a Fundação Instituto de Pesquisa e Diagnóstico por Imagem (Fidi), oferece 50 exames por dia. Os exames são feitos numa unidade móvel ao lado do Terminal Santo Antônio, no Centro, com acesso pela avenida Afonso Vergueiro.

Embora as 50 senhas sejam distribuídas somente a partir das 9h, a fila para que sejam retiradas começa se formar em torno das 5h, conforme destacou Ênio Cardoso, agente administrativo da unidade móvel. Ainda segundo ele, a partir da senha de número 30, as mulheres são orientadas a retornar por volta das 13h. Ele também disse que não há como aumentar o número de exames porque o equipamento, por estar numa unidade móvel, pode sofrer com o aquecimento.

Mutirão da Mamografia acaba hoje
Maria Fidelis dos Santos. Crédito da foto: Emidio Marques

Para fazer a mamografia, as mulheres de 35 a 49 anos de idade precisam apresentar a carteira do SUS, o RG e o pedido médico. Já as mulheres com 50 anos ou mais não precisam do pedido médico, necessitando apenas apresentar a carteira do SUS e RG.

Importância e demora

Mutirão da Mamografia acaba hoje
Jardelina Lopes Dias Bispo. Crédito da foto: Emidio Marques

A dona de casa Maria Fidélis dos Santos, que chegou na fila às 5h de ontem, conseguiu fazer o exame no início da tarde. Ela disse fazer a prevenção anualmente. A aposentada Jardelina Lopes Dias Bispo destacou que seria muito bom se o caminhão pudesse ficar na cidade por mais tempo, pois muitas mulheres morrem de câncer de mama exatamente por não conseguirem ter acesso ao exame.

Mutirão da Mamografia acaba hoje
Edna Alves Silva Nunes. Crédito da foto: Emidio Marques

A dificuldade em conseguir fazer a mamografia foi criticada também pela dona de casa Edna Alves Silva Nunes. Segundo ela, “muitas mulheres não fazem a prevenção não por falta de interesse, mas sim porque não conseguem.” Para exemplificar o problema, ela citou que no posto de saúde do seu bairro todas consultas são marcadas num mesmo dia da semana, e a demora para se chegar até algum médico é grande.

Comentários

Sobre o Autor

Adriane Mendes