Sorocaba e Região

Estudantes de Sorocaba se preparam para o segundo dia de prova do Enem

No próximo domingo, dia 11, serão aplicadas questões de Ciências da Natureza e Matemática
Estudantes se preparam para 2ª prova
Revisar os conteúdos das matérias é a melhor alternativa, segundo educadores. Crédito da foto: Pedro Negrão / Arquivo JCS (19/10/2016)

Menos nervosos do que no domingo passado, porque já sentiram como está a prova, os estudantes voltaram a se preparar esta semana, mas agora para enfrentar a segunda etapa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018, que será no próximo domingo, dia 11. A prova terá cinco horas de duração e 90 questões, 45 de Ciências da Natureza e suas tecnologias e 45 de Matemática e suas tecnologias. Os gabaritos e cadernos de questões serão liberados em 14 de novembro, no site do Enem. Os resultados estão programados para 18 de janeiro de 2019.

Aqueles que não foram no primeiro dia de provas, podem comparecer normalmente no dia 11. O início da prova está marcado para as 13h30, mas os participantes devem chegar com bastante antecedência, pois os portões serão fechados às 13h, pelo horário de Brasília.

Segundo o edital do Enem, os esrudantes devem levar, obrigatoriamente, um documento de identidade com foto e em bom estado de conservação, e caneta esferográfica de tinta preta,

O Enem é obrigatório para participar do Sistema de Seleção Unificada (SiSU), plataforma que substitui vestibulares de instituições públicas de ensino. A pontuação do Enem também é um dos pré-requisitos para participar de programas de financiamentos e bolsas de estudos.

Estudantes se preparam para 2ª prova
Yasmin pretende cursar fisioterapia. Crédito da foto: Acervo Pessoal

Yasmin Brandolize, 17 anos, afirma que não está com esperanças para o próximo domingo, porque não se dá bem com exatas. Sobre a Redação, ela diz que foi tranquilo. No geral, ficou bem satisfeita com a prova. “Vi pessoas tentando achar defeito, acho que pela questão política que o Brasil vem passando, o Enem sempre abordou questões sociais, sempre falou sobre o movimento negro, sobre feminismo, agora todo mundo querendo falar mal disso.”

A estudante não pretende entrar na faculdade com a nota desse Enem. “Estou saindo agora do ensino médio, ainda sou muito nova. Quero ter um tempo para respirar. Não acho que esteja pronta para o ambiente da faculdade ainda.” Ela pretende fazer, mais pra frente, faculdade de fisioterapia. “Como eu trabalho, estava complicado conciliar isso com os estudos e a vida social. Agora quero estudar com calma, me planejar melhor porque não vou ter ajuda financeira, e como meu curso não tem em universidade pública de Sorocaba, aí dependo de conseguir bolsa.”

Estudantes se preparam para 2ª prova
Tarso quer fazer contabilidade. Crédito da foto: Acervo Pessoal

Já o administrador de empresas Tarso Sérgio Ferreira Silva, 30 anos, disse que está fazendo o Enem porque seu objetivo é cursar outra faculdade, a de contabilidade. “Estudei por conta. E não achei difícil. De 90 questões, acertei 67”, comenta. Sobre a redação, Tarso achou o tema bem atual. Foi sobre manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet.

Com relação às polêmicas, já que tem muita gente nas redes sociais falando que a prova estava muito “esquerdista”, Tarso disse que não achou nada disso. Foram abordados temas sobre diversidade, inclusão, mas não tinham viés político, disse. Agora, está na expectativa para o próximo domingo. “Como consegui me sair muito bem na primeira parte, espero que eu vá bem agora também. Para mim exatas é um pouco mais difícil, mas esta semana estou me preparando e revisando conteúdos.”

Como se preparar para o 2º dia

Agora, muitos estudantes que não tiveram o desempenho esperado no 1º dia podem melhorar a nota no domingo, que focará nas matérias de Matemática, Física e Química. Algumas dicas do Colégio Renascença, de São Paulo, podem ajudar:

Esqueça a 1ª prova – Cada etapa é importante. Caso tenha se saído bem na prova de humanidades, continue estudando para as questões de exatas e biológicas. E para quem não teve um desempenho satisfatório, a dica é não desanimar.

Revise os conceitos gerais – Priorize os conceitos gerais, que acabam servindo para todas as matérias. Por exemplo, a matemática está presente nas questões de Física, Química e até Biologia. Por isso, tenha na ponta do lápis as principais operações matemáticas, assim como as principais fórmulas da Física e elementos da Química.

Não entre em pânico – Confie no que você estudou até aqui. A ansiedade antes da prova é normal, mas não deve afetar a autoconfiança do candidato. Se mantenha focado e evite tentar aprender novos conteúdos revisar acaba sendo mais proveitoso nesse período. Não se compare com colegas ou com comentários nas redes sociais.

Não fique confortável demais – Muitos estudantes perdem o horário no 2º dia de prova porque já sabem como chegar ao endereço. Não caia nessa! Coloque o relógio para despertar e saia cedo de casa; não se esqueça de levar a caneta preta e um lanche saudável.

Aprenda a ler (com qualidade) – A dica pode parecer um pouco estranha, mas aprenda a fazer uma leitura direcionada para o que o enunciado da questão está pedindo; lembre-se que o tempo é curto. Outra dica é grifar os dados que aparecem ao longo do trecho para evitar ter que reler todos os textos diversas vezes.

Menor porcentual de ausentes

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo Enem, a edição deste ano registrou o menor porcentual de ausentes desde 2009, quando passou a ter dois dias de aplicação: 24,9%, ou seja, no domingo passado, 1º dia de prova, 1.374.430 participantes faltaram em todo o Brasil. No Estado de São Paulo, dos 937.348 inscritos, 687.076 compareceram, o que corresponde a 73,3%. O número registrado de ausências foi 250.272, ou seja, 26,7%, um pouco a mais do que a média do País. O Inep informou que fornece apenas o número de ausentes por Estado e não por município. E lembrou que a abstenção será divulgada somente no dia 11, isso porque a abstenção é um dado que considera os dois dias de aplicação.

As provas foram de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; além da Redação. A aplicação foi tranquila em todo o Brasil, sem ocorrências graves. Foram registrados 87 casos de interrupção de energia elétrica, mas em apenas dois locais a aplicação precisou ser interrompida. Os casos são de Porto Nacional (TO) e Franca (SP): os participantes terão direito à reaplicação do primeiro dia, em 11 de dezembro, e deverão comparecer às provas do próximo domingo normalmente. Ao todo, 71 participantes foram eliminados (67 por descumprimento de regras gerais do edital, dois por problemas após revista no detector de metal e dois por uso de ponto eletrônico). Além do menor número de ausentes, outro dado considerado positivo na edição deste ano foi o alto índice de acesso ao Cartão de Confirmação de Inscrição, que superou 89%.

Comentários

Sobre o Autor

Daniela Jacinto