#Eleições2018 Sorocaba e Região

Diretórios de Sorocaba definem apoio no segundo turno

PTB e DEM vão apoiar Bolsonaro e o Psol, Haddad. Já o PSDB opta pela neutralidade
Candidatos à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). Foto: Miguel Schincariol e Daniel Ramalho / AFP

Assim que foi encerrada a apuração do primeiro turno das eleições, os partidos que ficaram de fora do segundo turno, tanto no pleito à Presidência da República quanto ao Governo do Estado de São Paulo, começaram a se mexer para decidir quais seriam as candidaturas apoiadas. O Cruzeiro do Sul ouviu os diretórios municipais dos partidos de mais representatividade em Sorocaba para saber qual seria a postura adotada para o segundo turno.

O PSDB, segundo o presidente do diretório municipal, João Leandro da Costa Filho, vai acompanhar a postura de neutralidade do partido em nível nacional, sem definir uma preferência entre Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL). “Nós ainda não nos reunimos no diretório, mas vamos seguir a posição nacional, com liberdade para que os filiados votem conforme a consciência e o entendimento, até porque hierarquicamente falando não seria adequado tomar qualquer atitude diferente”, afirmou.

O MDB, conforme a presidente do diretório municipal, Cíntia de Almeida, também dará voz aos membros do partido para que optem pelas próprias convicções, tanto nos postulantes ao cargo de presidente quanto aos de governador. “Estamos deixando livres para os integrantes do partido apoiarem quem bem decidirem”, disse.

O Psol, de acordo com o presidente do diretório municipal, Igor Tanaka, seguirá, localmente, alinhado à postura nacional da sigla, que apoia o candidato do PT. “A candidatura de Bolsonaro representa um grande retrocesso ao país. Em outras eleições anteriores, nos abstivemos de qualquer apoio, mas, agora, nos vemos na obrigação de marcar posição”, citou. Em relação ao Governo do Estado, Tanaka assinalou que “em breve o diretório estadual deve se posicionar”.

PTB e DEM com Bolsonaro

Após conversa, na manhã de ontem, com o presidente nacional do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), Roberto Jefferson, o presidente estadual e secretário-geral da executiva nacional do PTB, deputado Campos Machado, anunciou que o PTB paulista oferecerá apoio pleno à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL).

“Nessa nova etapa da corrida eleitoral, o PTB se engaja plenamente na campanha de Jair Bolsonaro, um candidato comprometido com os valores democráticos, a retomada econômica e a união de todos os brasileiros”, declarou Campos. O PTB acredita que as propostas de Bolsonaro visam um Brasil com mais empregos e melhoria de renda aos trabalhadores; com menos impostos e menos gastos públicos; que respeite os municípios e que priorize uma educação saudável para as crianças, proporcionando a elas educação de verdade e com qualidade. “Dentre outros, esses são projetos que objetivam um país mais justo, pacificado, eficiente e competitivo”, concluiu.

Enquanto isso, o DEM nacional liberou os seus filiados para apresentarem manifestação de voto no segundo turno, segundo sua convicções. O presidente do diretório municipal do DEM, o secretário de Licitações e Contratos da Prefeitura de Sorocaba, Hudson Zuliani, manifestou que o grupo político local “mantendo o compromisso de contribuir com a construção de um Novo Brasil, e, em sintonia com o sentimento nacional de mudança, apoia a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República no segundo turno da eleição”. Para o Governo do Estado de São Paulo, o DEM-Sorocaba apoia João Doria e Rodrigo Garcia. (Da Redação)

Comentários

Sobre o Autor

Online