fbpx
Educa Mais

De acordo com Inep, este ano o Enem terá um custo de R$ 105,52 por participante

Os valores correspondem a gastos que vão desde a elaboração até a impressão

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 deverá custar, aproximadamente, R$ 537,7 milhões, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Esse montante está dividido pelos mais de cinco milhões de inscritos nesta edição e equivale a R$ 105,52 por cada participante. A expectativa é que os gastos fiquem um pouco mais abaixo do que no ano passado, que teve um custo de R$ 106,13 por estudante.

Os valores correspondem a gastos que vão desde a elaboração até a impressão, distribuição e correção da avaliação. Dos R$ 537,7 milhões, segundo a autarquia, R$ 179,7 milhões, o equivalente a cerca de um terço do total, vêm do pagamento das inscrições e a outra parte é paga pelo governo. Este ano, a taxa de inscrição do Enem foi de R$ 85.

Leia mais  Lista dos vencedores da 15ª edição da Obmep foi divulgada

O Enem 2019 vai acontecer nos dias 3 e 10 de novembro em todos os estados e no Distrito Federal. O exame é a principal porta de entrada para ensino superior, por meio dos programas estudantis do governo federal como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu); Programa Universidade para Todos (Prouni); Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) além de Universidades Portuguesas.

Redução de gastos com Enem

Candidatos do Enem 2020 vão poder optar por fazer parte de uma nova promessa da avaliação que deve ter início no próximo ano e será implantada de forma gradativa. Com essa nova modalidade o governo aposta na redução de gastos para a produção do exame, como também na redução da utilização do papel.

*com informações da Agência Brasil

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Leia mais  Sisu 2020: inscrições serão liberadas em janeiro; confira cronograma

 

Comentários