Buscar no Cruzeiro

Buscar

Diretor do Macs é o novo presidente do Conselho da Rádio e TV Cultura

11 de Setembro de 2020 às 00:01
Manuel Garcia [email protected]
Manuel Garcia [email protected]

Diretor do Macs é o novo presidente do Conselho da Rádio e TV Cultura Fábio Magalhães, professor, museólogo e diretor artístico do Macs. Crédito da foto: Adolfo Leiner / Qnoticia / Divulgação

Na última reunião do Conselho Deliberativo da Fundação Padre Anchieta, mantenedora da Rádio e TV Cultura, houve a votação para eleger o novo presidente do Conselho e o nome escolhido por unanimidade foi o de Fábio Magalhães, professor, museólogo e diretor artístico do Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba (Macs).

Além do Macs, Fábio é membro da diretoria estatutária do Museu de Arte de São Paulo (Masp), já tendo dirigido outras importantíssimas instituições culturais, como: Pinacoteca do Estado de São Paulo, Memorial da América Latina e Embrafilme.

O professor e museólogo, que atua praticamente a vida toda em atividades ligadas à arte e cultura, explica como foi alcançar esse novo cargo. “Estou no Conselho Deliberativo da TV Cultura há mais de 20, sendo o segundo mais antigo na instituição, ficando atrás apenas do Jorge da Cunha Lima.

Nós dois somos conselheiros vitalícios. Acredito que meu tempo, histórico de atuação e contribuição em diversas instituições sérias, como Macs, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Memorial da América Latina, dentre outras, foi um fator decisivo para ter a aprovação unânime do Conselho”, comenta.

Ele ainda destaca que se trata de um órgão que possui muita representatividade, abrindo espaço para que diversas instituições participem ativamente do Conselho.

“É um colegiado que tem muita representatividade, reunindo os secretários de Educação do Estado e do Município, os reitores da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), Unesp (Universidade Estadual Paulista), USP (Universidade de São Paulo), Mackenzie e PUC (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), além de representantes da UBE (União Brasileira de Escritores), UBES (União Brasileira de Estudantes Secundaristas), artistas, dentre outros”, frisa.

O Conselho Deliberativo da TV Cultura é o responsável por trazer pautas atuais e com representatividade para a programação do canal.

“Contamos com uma reunião mensal para discutir os caminhos a serem seguidos pela emissora, que faz um trabalho muito importante, trazendo temas proeminentes à discussão, como: preservação da fauna e da flora brasileira, sustentabilidade, combate à Covid-19, etc.

O Conselho tem como principal função nortear os procedimentos, as atitudes, determinar as prioridades, discutir a programação e debater os temas”, fala.

Fábio Magalhães comenta que ter assuntos relevantes ganhando visibilidade é primordial. “É um canal independente, mas que consegue alcançar números expressivos, atingindo a 3ª posição em audiência no País. Isso nos deixa muito felizes. É importante vermos temas tão importantes para o mundo sendo debatidos em uma rede tão ampla”, afirma o diretor artístico do Macs.