Do leitor

Fraldas geriátricas em falta

Todo final do mês os postos de saúde da cidade Sorocaba efetuam as entregas das fraldas geriátricas aos enfermos acamados e assistidos no programa “Médicos da Família”. Acontece que, até a presente data, os postos de saúde não têm distribuído a mercadoria aos pacientes, pois afirmam que não houve o envio das fraldas pela Prefeitura Municipal de Sorocaba.

É o caso da Sra. Maria Aparecida Rodrigues, residente no Jardim São Lourenço que, na falta das fraldas, tem tido dificuldades maiores com sua enfermidade. Ela sofre há anos de aneurisma cerebral, com dois AVC e está totalmente imobilizada num leito e ela não recebe as fraldas até a presente data.

A família tem feito o possível para auxiliá-la, pois a enferma tem como ganho mensal um salário mínimo o que dificulta a aquisição das fraldas em farmácias privadas e supermercados.

Leia mais  Raposo Tavares

Gostaríamos, por meio deste conceituado jornal que a Prefeitura Municipal de Sorocaba tomasse conhecimento dos fatos para que algo possa ser feito com respeito ao problema citado, pois creio que a falta das fraldas deve afetar outros assistidos pelo programa.
LUIZ CLÁUDIO RODRIGUES

Resposta: Não houve resposta da Prefeitura.

LEITOS E CORONAVÍRUS 1

Que Sorocaba não tem leitos SUS já sabemos há anos e anos, não é novidade. Um absurdo uma cidade desse porte ter somente a Santa Casa e que ainda tem que atender a região toda, e o Regional já nasceu sobrecarregado. Resumindo: Sorocaba sem hospital!
PATRÍCIA SAMPAIO

LEITOS E CORONAVÍRUS 2

É necessário que o povo pare de sair de casa desnecessariamente. Vim agora (ontem) do trabalho, ônibus cheio com povo com sacolas de lojas… de supermercados eu diria foi bucar comida… agora de lojas? ou seja pode ter milhares de leitos, mas se não tiver o principal que é a consciência, nada resolve.
GLORIA TIBURCIO

Comentários