Motor

Novo Onix hatch ganha cinco estrelas em testes do Latin NCAP

Já a picape Mitsubishi L200 alcançou zero estrela para a proteção de adultos
Novo Onix hatch ganha cinco estrelas em testes do Latin NCAP
O recém lançado Chevrolet Onix hatchback recebeu cinco estrelas na proteção de adultos, crianças e também para pedestres. Crédito da foto: Divulgação

O novo Chevrolet Onix versão hatchback foi o destaque positivo na nona rodada de 2019 do Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe, Latin NCAP. O carro recém-lançado ganhou cinco estrelas para proteção de adultos e crianças, proteção de pedestres e controle eletrônico de estabilidade como equipamento padrão. Uma grande evolução em relação ao primeiro Onix avaliado em 2017, que teve resultado decepcionante. O carro que na época já era o mais vendido do Brasil, foi reprovado pela entidade, ficando com zero estrela. As principais críticas estavam relacionadas ao mau desempenho do carro em teste de colisão lateral. Por outro lado, nos testes da semana passada, foi a vez da picape Mitsubishi L200 ter resultado embaraçoso de zero estrela para a proteção de ocupantes adultos.

O Chevrolet Onix hatchback, fabricado no Brasil, ganhou cinco estrelas em Proteção de Adultos e Ocupantes Infantis e um Latin NCAP Advanced Award por sua Proteção de Pedestres, o mesmo resultado que o Onix Plus apresentado há dois meses. O Chevrolet Onix hatch oferece Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC) e seis airbags como equipamento padrão: dois airbags frontais, dois laterais e dois laterais de cortina. O Onix Plus demonstrou bom desempenho no impacto frontal, lateral e lateral de poste para proteção de ocupantes adultos e crianças. A Chevrolet recomendou a instalação de ambos os dummys crianças virados para trás, seguindo as mais recentes práticas globais. Isso foi confirmado pela obtenção de uma pontuação alta, quanto à proteção, no teste dinâmico para ocupantes crianças. O Onix hatch oferece sistema de aviso de uso de cinto de segurança como equipamento padrão nos bancos dianteiro e traseiro; um equipamento muito relevante que ainda não é tão comum na América Latina. Além disso, o carro proporciona proteção para pedestres como padrão, de acordo com os regulamentos das Nações Unidas. Esse recurso fez com que o modelo ganhasse um Latin NCAP Advanced Award.

Leia mais  BMW lança o novo X5 M50i no Brasil

Posição decepcionante

Novo Onix hatch ganha cinco estrelas em testes do Latin NCAP
A picape L200 da Mitsubishi obteve zero estrela para a proteção de adultos e duas estrelas para proteção de ocupantes infantis. Crédito da foto: Divulgação

A picape Mitsubishi L200, fabricada na Tailândia e no Brasil, alcançou zero estrela para Proteção de Ocupantes Adultos e duas estrelas para Proteção de Ocupantes Infantis. A versão mais recente da picape mais vendida no Chile está disponível naquele mercado sem airbags, sem sistema de aviso de uso de cinto de segurança e sem controle eletrônico de estabilidade. O modelo obteve zero estrela para a proteção de ocupantes adultos devido à alta probabilidade de ferimentos com risco de vida em uma batida a apenas 64 km/h. A L200 mostrou uma estrutura instável e instabilidade na área dos pés. Seguindo a recomendação do fabricante do carro, os Sistemas de Retenção Infantil (SRI) foram instalados usando cintos de segurança, em vez de recomendar o SRI com ancoragens ISOFIX a ser instalado usando as ancoragens ISOFIX disponíveis no carro como padrão. O SRI do dummy de três anos ofereceu baixa proteção. A L200 tem uma versão com cintos pélvicos (dois pontos) na posição do banco central traseiro, mesmo em 2019. Levando em consideração todos os modelos avaliados da Mitsubishi pelo Latin NCAP, é claro que a proteção do ocupante criança não parece ser uma prioridade para este fabricante. (Da Redação)

Comentários
Leia mais  Sandero ganha versão GT Line