SOROCABA E REGIÃO

Moradores de Votorantim esperam horas por vacina


Moradores que residem próximo ao Parque do Matão, em Votorantim, enfrentaram mais de três horas de fila para serem vacinados contra a febre amarela na manhã deste sábado (13). A fila, inclusive, segundo, funcionários da unidade de saúde, teve pico de quatrocentas pessoas e ocupava vários quarteirões no entorno da unidade. O atendimento no local seguirá até as 17h, segundo a Secretaria de Saúde. A prioridade na cidade é imunizar moradores dos bairros Vossoroca, Parque Bela Vista, Jardim Maria José, Morumbi, Icatu e Jardim Paraíso. A vacinação deve prosseguir na cidade na semana que vem.
 
Nem a chuva tirou a disposição dos moradores na busca pela imunização, como a dona de casa Simone Nogueira, que acompanhou o filho, Victor Nogueira, de 19 anos, que era o último da fila às 9h50. A dona de casa Vanderli Souza Cugler foi uma das que esperou mais de três horas para ser vacinada. "Aqui dentro é rápido, o problema é lá fora", disse ela, que mora no bairro Vossoroca. "Como moramos perto de onde o macaco morreu, ficamos com receio", acrescenta. Receio também foi o motivo do vendedor Fernando de Moraes ter procurado a unidade de saúde. Ele viaja por muitas cidades do Estado e preferiu não se arriscar. “Demora, mas pelo menos a gente fica tranquilo”, disse.
 
Segundo os funcionários na unidade, a triagem na fila é baseada na situação de pessoas, por exemplo, com dificuldade de locomoção e pacientes que realizam hemodiálise. Os profissionais reconheceram, no entanto, que pelo grande número de pessoas na fila, havia certa dificuldade em identificar as situações de prioridades de todos.  Os casos de prioridade eram identificados conforme a fila avançava.
 
Já na Associação dos Moradores do Parque Vista, onde também há imunização, a fila era menor, mas deixava a rua Joana Milani, na sede da associação e seguia por um trecho da avenida São João. A espera era de cerca de duas horas. Até às 10h45 deste sábado, cerca de 400 pessoas foram imunizadas no local.