fbpx
Cultura

Sorocabano Hugo Rafael abre ‘Ad eternum’ no Sesc

Projeto tem cinco shows em homenagem a grandes nomes da música nacional e internacional
Hugo Rafael abre ‘Ad eternum’ no Sesc
O cantor sorocabano Hugo Rafael apresentará os grandes sucessos da carreira de Michael Jackson. Crédito da foto: Divulgação

Principais hits da carreira de Michael Jackson como “Beat it”,”Smooth criminal”, “Thriller”, “Billie Jean” e “Black or white” estarão no repertório do show especial que o cantor sorocabano Hugo Rafael faz na sexta-feira, feriado nacional da Proclamação da República, às 17h, no Sesc Sorocaba.

A apresentação tem entrada gratuita e marca a abertura do projeto “Ad eternum”, que ocorre neste mês, na Área de Convivência da unidade, com homenagens a grandes nomes da música nacional e internacional.

Hugo Rafael afirma que, para este espetáculo, preparou um repertório que vai percorrer várias fases da carreira de Michael Jackson, desde a fase dos The Jackson 5, até o auge da carreira solo do Rei do Pop, com ênfase no icônico álbum “Bad” (1987).

No palco, Hugo empunhará a guitarra elétrica e estará acompanhado da banda Negritude Júpiter, formada recentemente para acompanhá-lo no Saravá Bar, na temporada que ocorre sempre aos domingos com repertório 100% nacional.

Leia mais  Sesc recebe a soul music de Tony Tornado

A banda é formada por Juninho Brasil (bateria e vocais), Edson Marques (baixo) e Fabio Serra (percussão) e, no show desta sexta, contará com participação especial do tecladista Tiago Giovani. “Vai ser um tributo muito especial e emocionante, porque toda essa rapaziada que me acompanha há muito tempo é muito fã do Michael. Não só na música, mas nos jogos de videogame, nos filmes, ele é uma grande referência para nós”, comenta Hugo, destacando que, em virtude da formação da banda e o repertório dançante do Rei do Pop, as releituras terão “roupagem de rock soul”.

Mais programação

Hugo Rafael abre ‘Ad eternum’ no Sesc
No dia 22, a cantora paulistana Heloísa Lucas revisitará canções da diva do jazz Nina Simone. Crédito da foto: Divulgação

No domingo, dia 17, às 17h, o projeto “Ad eternum” prossegue com apresentação do violeiro mineiro radicado em Sorocaba Zeca Colares, que vai homenagear os clássicos de moda de viola gravados pela dupla Pena Branca e Xavantinho, considerada um divisor de águas na música popular brasileira.

Leia mais  Espaços alternativos da Secult não podem cobrar ingresso

Colares também promete falar de sua relação com o amigo Pena Branca, com quem dividiu o palco, arranjos, estúdio e muitas rodas de “causos”.

No dia 20, às 17h, a cantora Nãnãna da Mangueira homenageará Jovelina Pérola Negra. No repertório, sucessos como “Bagaço da laranja”, “Sorriso aberto”, “Luz do repente”, “Feirinha da Pavuna” e outras que marcam o estilo musical de Jovelina.

Já no dia 22, às 20h, a cantora paulistana Heloísa Lucas revisita canções da diva do jazz norte-americano Nina Simone. Fechando a série, no dia 24, às 17h, o cantor sorocabano Livinho Fonseca presta homenagem a Luiz Melodia, dois anos após a morte do compositor.

Todas as apresentações têm entrada gratuita. O Sesc fica na rua Barão de Piratininga, 555, Jardim Faculdade. (Felipe Shikama)

Comentários