fbpx
Cultura

Sorocaba possui paraísos para os apaixonados por livros

A cidade tem, em suas bibliotecas públicas, mais de 130 mil títulos à disposição para empréstimo e leitura
Paraísos para os apaixonados por livros
Na Biblioteca Municipal, 18.067 livros foram emprestados durante todo o ano de 2018. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (22/2/2018)

Quem é apaixonado por livros repete sempre a mesma história: tem um título que ocupa a cabeceira no momento e outra lista — quase sempre bem vasta — daqueles que virão na sequência. Com tantas publicações no mercado, nem sempre é possível comprar todas que interessam. É nessa hora que as bibliotecas atendem muito bem aos aficcionados pela leitura. Sorocaba soma cerca de 135 mil títulos disponíveis para empréstimo, leitura e consulta, mantidos nestes espaços, que são um verdadeiro paraíso para aqueles que gostam de ler.

A Biblioteca Municipal Jorge Guilherme Senger reúne 34 mil deles, incluindo material em braille, livros infantis e gibiteca. Lá é possível encontrar obras de grandes autores da literatura nacional e internacional, como Simone de Beauvouir, Jorge Luís Borges, Franz Kafka, Ernest Hemingway, Gabriel García Márquez, Machado de Assis, Clarice Lispector e Jorge Amado.

Leia mais  Poemas da literatura negra chegam à internet

 

Somente em 2018, 1.023 pessoas se tornaram sócias da unidade pública e 18.067 livros foram emprestados. Outras ações são desenvolvidas durante todo o ano na biblioteca, como contação de histórias, exposições, eventos culturais, palestras, oficinas, cursos, lançamento de livros e a já tradicional Troca-Troca de Livros, que ocorre toda última sexta-feira do mês.

Para se tornar sócio é preciso levar uma foto 3×4, apresentar um documento com foto e comprovante de residência. No caso de adolescente com menos de 14 anos, é necessário estar acompanhado dos responsáveis. Cada sócio pode emprestar até três livros durante o período de 15 dias, com possibilidade de renovação. Já a terceira idade e pessoas com deficiência têm um prazo maior e podem ficar com as obras por até 20 dias.

A Biblioteca Municipal está localizada na rua Ministro Coqueijo Costa, 180, no Alto da Boa Vista, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h50, e aos sábados, domingos e feriados, das 13h às 16h50. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 3228.1955. Todo o acervo pode ser consultado de forma on-line pela população no link http://pmsorocaba.phlnet.com.br.

Ponto de Leitura

Paraísos para os apaixonados por livros
Obras raras fazem parte do acervo da Biblioteca Aluísio de Almeida, da Uniso. Crédito da foto: Aldo V. Silva / Arquivo JCS (10/4/2014)

Quem utiliza o transporte coletivo em Sorocaba pode aproveitar as facilidades do projeto Ponto de Leitura, que disponibiliza atualmente dois mil livros para empréstimo dos cidadãos que passam pelo Terminal Santo Antônio diariamente. No espaço, as pessoas podem ler enquanto esperam o ônibus ou fazer o empréstimo para ler em casa. Tudo é gratuito e os leitores podem escolher obras de ficção e gibis.

Quem vai ao local encontra obras da literatura estrangeira e nacional, como “1984”, de George Orwell, “Admirável mundo novo”, de Aldous Huxley; “A invenção de Hugo Cabret”, de Brian Selznick; “Perdido em marte”, de Andy Weir; “O cortiço”, de Aluísio Azevedo, “Agora é que são elas”, de Paulo Leminski; “Dona Flor e seus dois maridos”, de Jorge Amado, entre outros. É possível fazer o empréstimo de até dois livros ou gibis de cada vez e tem um prazo de até 15 dias para devolução. Para se cadastrar, basta levar no local um documento com foto, como RG e CNH, e um comprovante de residência atualizado. A unidade funciona de sexta-feira, das 8h às 17h.

A maior

A Biblioteca Aluísio de Almeida, na Universidade de Sorocaba (Uniso), tem o maior acervo da cidade, com 80.593 títulos e 170.662 volumes impressos, e mais de 12.185 títulos na versão digital. O espaço é aberto para a comunidade, que pode consultar o acervo e fazer a leitura das obras no local. Para utilizá-la, é necessário apresentar um documento pessoal com foto (preferencialmente, RG ou CNH). Já para retirada de material, é preciso ser aluno, ex-aluno, professor ou funcionário cadastrado. A bibioteca fica aberta de segunda a sexta-feira, das 7h40 às 22h30, e sábados, das 9h às 13h. Ela está localizada na Rodovia Raposo Tavares, quilômetro 92,5.

Universo infantil

Como um pedacinho do céu no meio do caos urbano, a Biblioteca Infantil Municipal Renato Sêneca de Sá Fleury, localizada na rua da Penha, no número 673, abriga não apenas um rico acervo bibliográfico, mas possui uma agenda repleta de atividades durante o ano inteiro, que reúne pessoas de todas as idades. O responsável por cuidar com tanto carinho do espaço é o historiador José Rubens Incao, funcionário público da Prefeitura de Sorocaba. Lá, ele e sua equipe desenvolvem atividades variadas, como exposições, passeios culturais, oficinas, contação de histórias, bate-papo e apresentações artísticas.

Paraísos para os apaixonados por livros
Na Biblioteca Infantil, espaço é usado para leitura e também brincadeiras. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (4/4/2018)

A Biblioteca Infantil possui atualmente mais de 18 mil livros à disposição da população e esse tesouro vai muito mais além das obras literárias voltadas ao público infanto-juvenil. A unidade pública preserva e disponibiliza à consulta acervos de escritores, historiadores, artistas e temáticos, que foram doados ou formados no decorrer do tempo. Um deles é o acervo Renato Sêneca de Sá Fleury, o patrono da Biblioteca Infantil, que é composto de pouco mais de 253 itens entre livros, revistas, manuscritos e artigos deste escritor e educador sorocabano, pioneiro da literatura infantil brasileira.

O espaço também abriga as bibliotecas particulares do escritor, cinéfilo e folclorista Waldemar Iglesias Fernandes (1929-1998) e também do escritor, professor e folclorista Benedito Cleto (1906-1998). Mais uma riqueza do espaço público é o acervo histórico de 234 livros, manuscritos, artigos e todo o fichário histórico do fotógrafo, historiador e paleógrafo sorocabano Porphirio Rogich Vieira (1929-2001). Quem for ao local ainda pode encontrar figuras e objetos produzidos em cera de abelha pelo artista plástico votorantinense Carlos Castelhano.

A média mensal é de mil empréstimos de livros, sendo que 4.500 pessoas visitam a unidade por mês. O período de empréstimo de livros é de dez dias, renovável por mais dez dias. Para ser sócio da Biblioteca Infantil, os interessados devem ir ao local e apresentar comprovante de endereço atual e o RG. Pessoas com menos de 16 anos devem estar acompanhadas de pais ou responsáveis. A Biblioteca Infantil funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. O telefone é (15) 3231-5723.

Conheça histórias de sorocabanos apaixonados pela leitura no Caderno Mix, nesta edição do Jornal Cruzeiro do Sul. (Larissa Pessoa)

Comentários