Cultura Mais Cruzeiro

Orquestra Experimental executa peça inédita em concerto na Sala Fundec

“Fantasia concertante para piano e orquestra Op. 3” foi composta pelo oboísta Gilmar de Campos
Orquestra Experimental executa peça inédita em concerto amanhã
A Orquestra Experimental da Fundec é formada por alunos do Instituto Municipal de Música de Sorocaba. Crédito da foto: Teófilo Negrão / Divulgação

Sob regência do professor e maestro Paulo Afonso Estanislau, a Orquestra Experimental da Fundec executará no concerto desta quinta-feira (13), às 20h, na Sala Fundec, uma peça inédita do compositor saltense Gilmar de Campos, com o solo da pianista Lúcia Helena Bismara. O programa conta, ainda, com as peças “Anvil chorus”, de Giuseppe Verdi (1813-1901) e “Bach in rock”, com arranjo de Saul Feldstein.

O destaque da noite, todavia, é a estreia da obra “Fantasia concertante para piano e orquestra Op. 3” do oboísta e compositor saltense Gilmar de Campos. A peça, composta em quarenta dias, foi escrita em homenagem à pianista e professora Elizabeth Milanez, que fundou o Conservatório de Salto, e possui quatro movimentos, dos quais três serão apresentados. “Normalmente a figura do compositor está associada a regentes ou mesmo pianistas, não creio que seja algo tão comum o compositor estar tocando bem no meio das fileiras da orquestra, no caso oboé. Seria mais confortável estar na plateia assistindo, mas me sinto muito privilegiado em poder participar, tocando, na primeira execução da minha peça”, salienta Gilmar. Um dos integrantes mais antigos da Orquestra Sinfônica de Sorocaba, Campos, de 46 anos, fez sua estreia em 1999, como músico convidado, e no ano seguinte foi contratado como membro efetivo. Ele atua, ainda, como professor de oboé no Instituto Municipal de Música de Sorocaba (IMMS), administrado pela Fundec.

Leia mais  Vozes femininas são atração na Biblioteca Infantil
Orquestra Experimental executa peça inédita em concerto amanhã
Gilmar de Campos escreveu sua peça em homenagem à pianista Elizabeth Milanez. Crédito da foto: Fábio Rogério

A solista escolhida para o concerto é a pianista e professora do IMMS, Lúcia Helena Bismara. “É um prazer realizar esse concerto com a Orquestra Experimental, a qual tive oportunidade de reger por alguns anos. Acredito ser uma grande experiência para os alunos poder tocar com um instrumento solista”, considera. “Também uma satisfação poder interpretar um concerto composto pelo colega Gilmar de Campos que, além das habilidades como músico, demonstrou inegável capacidade como compositor”, complementa Lúcia, mestre em música pelo Instituto de Artes da Unicamp.

A Orquestra Experimental da Fundec foi criada em 2000 e é formada por alunos do IMMS. O objetivo é incentivá-los a trabalhar em conjunto com outros instrumentistas aprimorando a cooperação e o desenvolvimento da musicalidade, técnica, percepção rítmica e melódica e a autodisciplina.

Os ingressos para o concerto custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia) e estarão à venda nesta quinta-feira (13), a partir das 8h30, na Sala Fundec (rua Brigadeiro Tobias, 73, Centro). (Da Redação)

Comentários

CLASSICRUZEIRO