fbpx
Cultura

Festival Regional de Teatro reunirá 24 apresentações gratuitas em Sorocaba

Iniciativa, que terá espetáculos para adultos e crianças, pretende se tornar um evento semestral e itinerante
festival regional de teatro
Turma do curso de Teatro do Senac fará o cortejo de abertura do 1º Festão. Foto: Divulgação

Uma grande festa das artes cênicas, com direito a 24 apresentações de teatro para crianças e adultos, e ainda muita descontração durante o período da noite, já que após os espetáculos o público poderá participar de uma “balada”, ao som de músicas conduzidas por DJ. Serão dois dias de evento, tudo gratuito. Trata-se do 1º Festão — Festival Regional de Teatro, que reunirá em Sorocaba 292 artistas de grupos teatrais de 11 cidades da região metropolitana. A programação ocorrerá no dia 8, das 17h às 24h, e no dia 9, das 9h às 22h na Praça Frei Baraúna e no teatro-bar Dois ponto Oito, ambos localizados no Centro de Sorocaba.

A iniciativa partiu da Rede de Teatro Regional e tem como objetivo ser semestral, itinerante, não-competitiva e dar visibilidade a produções teatrais da região metropolitana. A proposta conta com o apoio da Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), do Dois ponto Oito e do Senac Sorocaba, por meio da Rede Economia Criativa.

Entre as companhias participantes, estão Nativos Terra Rasgada (uma das representantes de Sorocaba), Cia. Teorema de Teatro (Boituva), Theatron (Mairinque), Grupo de Narciso (São Roque), Coletivo Cê (Votorantim), Cia. Gato Azul (Piedade), Cia. de Teatro Uta (Salto de Pirapora), Nossa Trupe Teatral (Tatuí), Grupo de Teatro Escarafunchar (Pilar do Sul), Liga Teatral Municipal de Iperó (Iperó) e Grupo Teatral Gente de Quem? (Cerquilho).

Rede

O diretor de teatro Hamilton Sbrana, um dos coordenadores do Festival, afirma que a Prefeitura instalará dois palcos na Praça Frei Baraúna, que contará ainda com banheiros químicos e fornecimento de água potável. Ele lembra que para as crianças foi reservado o período da manhã do sábado (dia 8 de fevereiro) para a apresentação de cinco espetáculos, a partir das 9h.

Hamilton explica que para chegar a essa programação, foram seis meses de reunião entre representantes de grupos teatrais que integram a Rede de Teatro Regional. Tudo isso começou desde que Sbrana fez um levantamento para a Rede Economia Criativa, do Senac, sobre o número de grupos de teatro que atuam em Sorocaba. A partir daí, os grupos resolveram se unir e começaram fazer reuniões. Foi em um desses encontros que veio a vontade de agregar cidades da região. Todos os participantes do Festão, frisa Hamilton, se apresentarão de forma voluntária, com seus próprios recursos.

A meta agora, além de promover o intercâmbio cultural, é formar uma cooperativa ou associação, para que o Festão possa crescer e receber apoio financeiro. “Estamos sendo marcados por uma época de lama, mas queremos entrar num barco e navegar no meio disso tudo”, disse.

Além de oferecer arte e diversão à população, a proposta vem para fortalecer a Rede de Teatro Regional, almejando iniciar um corredor de circulação cultural dos grupos e seus espetáculos. “É um ato de resistência, resiliência e reexistência. Estamos tentando ficar firmes, apesar desses tempos tão difíceis”, diz o diretor.

O 1º Festão — Festival Regional de Teatro começa no dia 8, às 17h, com um cortejo que sairá da Praça Coronel Fernando Prestes, no Centro, em direção à Praça Frei Baraúna (onde fica o prédio da extinta Oficina Grande Otelo). Já o Dois ponto Oito fica na rua Machado de Assis, 112, no Centro (clube 28 de Setembro).

Programação inclui peças, rodas de conversa e oficinas

A programação do 1º Festão — Festival Regional de Teatro terá, além das 24 apresentações de peças teatrais, uma roda de conversa sobre o fazer teatral, que será conduzida pela Trupé de Teatro, de Sorocaba, no dia 9 (sábado), às 8h45, na Praça Frei Baraúna. No período da tarde, às 14h, terá a oficina “Procedimentos para um ator on off”, com o Coletivo Cê, de Votorantim. Confira a programação completa:

Dia 8 de fevereiro

Na Praça Cel. Fernando Prestes:

  • 17h – A cidade e seus personagens 1 – TT6 Senac (Sorocaba)
  • 17h30 – Cortejo para a Praça Frei Baraúna — TT4 Senac

Na Praça Frei Baraúna:

  • 19h – Rua sem Saída – Nativos Terra Rasgada (Sorocaba)
  • 20h – Primavera sem fim – Cia. Teorema de Teatro (Boituva)
  • 21h10 – Sob o azul do céu – Cia. Efatá (Sorocaba)
  • 22h – Nem aqui, nem lá – Grupo de Teatro Escarafunchar (Pilar do Sul)
  • 22h45 – Cortejo para o 2.8 Teatro Bar – TT6 Senac – Senhora Liberdade

No Dois Ponto Oito Teatro Bar:

  • 22h40 – Entre nós – Uma de Nós (Sorocaba)
  • 23h30 – Coletivizando o indivíduo – Sevastra (Sorocaba)
  • 00h – A cidade e seus personagens 2 – TT6 Senac (Sorocaba)
  • 01h – Festão

Dia 9 de fevereiro

Na Praça Frei Baraúna:

  • 8h – Café da manhã
  • 8h45 – Roda de conversa: o fazer teatral – Trupé de Teatro (Sorocaba)
  • 9h – História para pais, mães, avós e nós – Outro Luis (Mairinque)
  • 9h30 – O sonho encantado de Olívia – Theatron (Mairinque)
  • 10h30 – A cegonha Boa de Bico – Cia. Expedição Teatral (Sorocaba)
  • 11h20 – O Papagaio leitor e a menina viajante – Camarim Cia. Teatro (Sorocaba)
  • 12h – 4 x 2 – Nossa Trupe Teatral (Tatuí)
  • 12h40 – Plano de fuga – Cia. Vida em Ação (Sorocaba)
  • 13h10 – Um barco na lama – Grupo de Narciso (São Roque)
  • 14h – Oficina: Procedimentos para um ator on off – Coletivo Cê (Votorantim)
  • 14h20 – Tem frufru nesse angu – Cia. De Teatro Uta (Salto de Pirapora)
  • 15h – Era uma vez um pangaré – Cia. Exodus Art’s (Sorocaba)
  • 15h20 – Reprise cômica A natureza – Os Companheiros (Sorocaba)
  • 15h30 – Mokita – Liga Teatral Municipal de Iperó (Iperó)
  • 16h – Por completo – Grupo Teatral Gente de Quem? (Cerquilho)
  • 16h30 – Opa! Mais uma vez – Companhia de Eros (São Roque)
  • 17h30 – Estudos da morte – Cia. Gato Azul (Piedade)

No Dois Ponto Oito Teatro Bar:

  • 18h30 – Coisas de Maria – Camarim Cia. de Teatro (Sorocaba)
  • 19h – Entre nós – Uma de nós (Sorocaba)
  • 19h30 – A cidade e seus personagens 3 – TT6 Senac (Sorocaba)
  • 20h30 – Festão de encerramento
Comentários