Cultura

Espetáculo reflete sobre a inquietude do vento

O ator e bailarino Chico Lima apresenta performance de dança contemporânea hoje, no Barracão Cultural
Espetáculo reflete sobre a inquietude do vento
Crédito da foto: Luiza Folegatti / Divulgação

A inquietude sobre o vento, fenômeno invisível que pode ser percebido na ação sobre outro corpo, inspirou a concepção do espetáculo solo de dança contemporânea “Tentativas contra o vento”, do ator e bailarino Chico Lima, que será apresentado hoje, no Barracão Cultural, com entrada gratuita.

Produzido pelo Campo Fictício, com produção executiva de Eduardo Bordinhon e da Cooperativa Paulista de Teatro, o espetáculo estreou em 2014 e será apresentado pela primeira vez em Sorocaba, uma das 14 cidades inseridas no roteiro projeto “Vento na estrada”, contemplado no edital de circulação de obras de dança do Programa de Ação Cultural (ProAC) da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

Com duração de 40 minutos, “Tentativas contra o vento” é definido pelo bailarino-criador como “uma prece circular, uma evocação de uma visão”. Chico Lima comenta que o espetáculo nasceu em meio a uma reflexão de sua prática de dança diária. “Fui tentando entender o que me movia, o que me dava vontade de dançar e percebi que o que me dá prazer é o vento. Eu sempre achei o vento interessante, por ser um movimento que a gente só vê quando age sobre algum outro corpo”, diz.

Leia mais  Lourival de Oliveira lança ‘Sr. Emiliano’, terceiro livro do escritor

A partir dessa constatação, o artista começou a desenvolver as coreografias com o vento em cena, por meio de dois potentes ventiladores industriais. “Mais que uma temática abstrata, essa metáfora com o vento, com questões ligadas ao invisível, ganhou concretude”, complementa.

Concebido para ser apresentado em espaços alternativos — e não no convencional palco italiano — os espectadores são convidados a se deslocar livremente durante o espetáculo e fazer parte da jornada do bailarino em sua dança, “buscando a transformação do corpo e a abertura para atravessamentos das forças invisíveis nos cruzamentos do espaço, luz, som e movimento”. “É um espetáculo com uma temática bastante acessível a todos os públicos”, convida Chico Lima.

“Tentativas contra o vento” é resultado de um processo criativo guiado por três coreógrafas com as quais o artista já havia trabalhado: Andréia Yonashiro, Morena Nascimento e Lu Favoreto. O espetáculo também trilha sonora de Tiago de Mello e iluminação de Cauê Gouveia. (Felipe Shikama)

Leia mais  Câmara analisa transferência da UPH para a gestão da Santa Casa

Serviço

“Tentativas contra o vento”, com Chico Lima
Hoje, às 20h
Barracão Cultural (avenida Afonso Vergueiro, 310, no Centro, ao lado da antiga Estação Ferroviária)
Entrada gratuita (os ingressos serão distribuídos no local 30 minutos antes do início do espetáculo)
Classificação 10 anos

 

Comentários