fbpx
Cultura

Espetáculo debate transformações dos gêneros no Sesc Sorocaba

“Quantas vezes você disse eu te amo na semana que passou?”, com a Cia. Tubarão, é atração no fim de semana
Espetáculo debate transformações dos gêneros
A peça é encenada pelos atores Moisés Ameno e Patrícia Nolasco. Crédito da foto: Divulgação

Transformações dos gêneros masculino e feminino para se adaptar aos tempos atuais são retratadas no espetáculo teatral “Quantas vezes você disse eu te amo na semana que passou?”, que será encenado neste final de semana no Sesc, pela da companhia teatral Tubarão Que Deu Origem a Série.

A peça faz parte do projeto “Coletivações” que apresenta, em cada uma de suas edições mensais, um grupo de teatro diferente sediado em Sorocaba e região. Com direção de Benedito Augusto de Oliveira, o Benão, e texto de Sérgio Abritta, a peça encenada pelos atores Moisés Ameno e Patrícia Nolasco faz um relato cirúrgico das transformações que os gêneros masculino e feminino vêm passando no processo de emancipação para suas adaptações aos tempos atuais. Produzido de maneira independente, o espetáculo estreou em setembro de 2016, marcando o retorno de Benão ao teatro sorocabano após hiato de oito anos.

Leia mais  Curta sobre Carlos Mantovani tem exibição neste sábado

A trama se passa inteiramente em um apartamento e acompanha sete dias da vida de Marcelo e Juliana, que após oito anos de casados começam a experimentar os dissabores provocados pela falta de diálogo no relacionamento. A narrativa revela discussões do casal e a jornada interior em busca de descobertas da sexualidade e da moralidade imposta pelos novos tempos. “Tivemos o cuidado de não responder o que ainda está em pauta, não só no contexto da peça, mas também na sociedade”, disse o diretor, citando que o conflito conjugal atravessa questões em voga, como empoderamento feminino, machismo e a chamada cultura do estupro. Ao longo da peça, o casal vai criando um repertório de debate sobre sexualidade, mas cabe ao espectador julgar se o Marcelo é ou não um cara reacionário ou se é a Juliana é uma mulher vítima de seu tempo”, acrescentou Patrícia.

A escolha da peça partiu do ator Moisés Ameno, que há dez anos comprou em um sebo do centro de Sorocaba um livro de textos premiados em um festival de dramaturgia de Belo Horizonte. “Desde que eu li o texto de Abritta pela primeira vez eu venho tentando montar. Cheguei a fazer leituras com oito atrizes, mas, por diferentes motivos, nunca dava certo. Para mim, essa montagem é a realização de um sonho antigo”, disse o ator. (Felipe Shikama)

Leia mais  Prefeitura não destinará recursos para o desfile de Carnaval em 2020

Serviço

Quantas vezes você disse eu te amo na semana que passou? – Cia. Tubarão
Sábado, às 20h; domingo, às 19h
Sesc (rua Barão de Piratininga, 555, Jardim Faculdade).
Ingressos (disponíveis até o fechamento desta edição) R$ 17 (inteira), R$ 8,50 (meia) e R$ 5 (credenciados do Sesc)
Classificação etária 16 anos

Comentários