fbpx
Agenda

Exposição ‘Mãos que Brilham’ será aberta na biblioteca na segunda (4)

Ministrada pela artista plástica Maria José de Souza Barbosa, a oficina envolveu crianças com idades a partir de 7 anos
Agenda
“Os sete gatinhos” será apresentada pela Companhia Clássica de Repertório no domingo. Crédito da foto: Divulgação

Será aberta na segunda-feira e seguirá em cartaz até dia 30 de novembro, na Biblioteca Municipal Jorge Guilherme Senger a exposição “Mãos que brilham”.

A mostra ficará aberta das de segunda à sexta-feira, das 8h às 16h50, e aos sábados, das 13h às 16h50, e nela os visitantes poderão conhecer os trabalhos realizados pelos participantes da Oficina de Artes Plásticas realizada pela Secretaria da Cultura (Secult), em julho deste ano.

Ministrada pela artista plástica Maria José de Souza Barbosa, a oficina envolveu crianças com idade a partir de 7 anos, jovens, adultos e a terceira idade em atividades realizadas na Escola Municipal de Cultura e Artes “Ettore Marangoni”. A Biblioteca Municipal fica na rua Ministro Coqueijo Costa, 180, no Alto da Boa Vista.

Peças de teatro

A Companhia Clássica de Repertório apresenta duas produções neste final de semana. Neste sábado (2), às 20h, será encenada a peça “Sob o azul do céu”. O texto de trata com leveza e bom humor do eterno conflito de gerações, iniciado no momento em que pai e filho retornam do funeral da mãe.

Leia mais  Grupo dinamarquês Scenatet é atração do Sesc no feriado

Os ingressos terão preços promocionais de R$ 15. Já no domingo será a vez de “Os sete gatinhos”, de Nelson Rodrigues. A peça conta a história da casa do Seu Noronha e da paz inicial existente no local, que dá lugar ao trágico e à violência.

A produção será apresentada às 20h e os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia-entrada). O Teatro Escola Mario Persico fica na rua da Penha, 823, no Centro.

Anámnesis na Fundec

Segue em cartaz na Fundec, até o final de novembro, a exposição coletiva Anámnesis: “Fadografia”, de Fernanda Monteiro e “Alegorias de verdade”, de Marco Gonçalves. A mostra foi aberta como parte da programação da Semana de Artes Visuais de Sorocaba — Sem Aviso.

Apresentados simultaneamente no espaço do saguão, os dois trabalhos abordam diferentes aspectos de lidar com a memória, utilizando a fotografia como linguagem. O nome da exposição,Anámnesis, é um termo palavra de origem grega que significa “ato de trazer algo à memória”. A entrada é gratuita. A Fundec fica na rua Brigadeiro Tobias, 73, no Centro.

Leia mais  Projeto CineCafé exibe o longa ‘Eu não sou bruxa’

Narração de histórias

O projeto de Narração de Histórias, do Sesc Sorocaba, traz neste mês de novembro o tema “Do Saara às Savanas: As histórias que a África conta e o Brasil reconta”, com o Núcleo Esporos. Neste sábado (2), às 16h, a história contada será “A Criação do mundo”.

O texto fala que na mitologia dos Orixás, quem criou o mundo foi Olodumaré, mas ele não criou sozinho. Os pequenos poderão descobrir como foi essa criação. A narração acontece na Área de Convivência com entrada gratuita. O Sesc Sorocaba fica na rua Barão de Piratininga, 555, no Jardim Faculdade.

Comentários